q6prmv.md.png
domingo, abril 11, 2021
q6prmv.md.png
InícioProgramas de FidelidadeOutros ProgramasAAdvantage sinaliza que poderá fazer mudanças no sistema de upgrades

AAdvantage sinaliza que poderá fazer mudanças no sistema de upgrades

Diversos clientes do AAdvantage da American Airlines receberam um email com uma pesquisa sobre o sistema de upgrades utilizado pela empresa, indicando uma possível mudança.

Eu não recebi nada até agora – não sei se a pesquisa é apenas com clientes americanos ou se ainda vai chegar no meu email …

O interessante é a pesquisa não foi uniforme: pessoas com status diferentes receberam perguntas bem diferentes e mesmo pessoas com o mesmo status receberam perguntas um pouco diferentes.  Isso é que é usar com competência os dados coletados, não é, meu povo?

Os quesitos abordados por um cliente Excutive Platinum foram os seguintes (faço meus comentários abaixo de cada um):

No primeiro item eu só escolheria a opção A pois a B inclui assento na janela, que eu só seleciono caso o voo esteja vazio e a probabilidade é que ninguém estará ao meu lado. Mas entre o assento do meio na premium economy ou assento na janela da MCE, eu fico com o primeiro.

Já no segundo item eu manteria o sistema atual. Os systemwide upgrades são o melhor benefício do AAdvantage. Já houve tempo em que eram concedidos 8 ao ano para os Executive Platinum e, aparentemente, querem reduzir para 2. Com a entrada dos EQDs tenho lido relatos que os SWU estão mais fáceis de usar, então não teria sentido em ficar só com 2 ao ano.

No terceiro item eu também manteria o sistema atual com upgrades domésticos ilimitados.

Minha ordem seria 1, 2, 6, 4, 5, 3 e 7.

No primeiro caso, eu só alteraria meu voo em, no máximo, 2 horas. No caso de viagens internacionais, 6 horas, pois a alteração provavelmente vai impactar diárias de hotel e aluguel de carro.

Sem dúvida alguma, a opção B para mim é a melhor, pois eu não moro nos EUA e 10 trechos domésticos ao ano com upgrade confirmado é excelente para mim. Se fosse residente,  contudo, teria escolhido a opção A.

Gente, fiquei impressionada da AA perguntar especificamente sobre a United! Mas como eu comprei um bilhete com a UA nos últimos 12 meses, vou responder! Sim, a UA me ofereceu upgrade pago com desconto, mas eu recusei – o voo era muito curto para me incomodar em voar em econômica. Fiquei satisfeita nível 4 – achei o custo alto para um voo rápido em que geralmente nem comida quente tem. Para mim a oferta deve ser feita, primeiramente, para quem tem maior status e assim por diante. Então, como a pergunta fala sobre a oferta para todos, ficaria com a nota 1.

Mas a pegadinha aqui é a seguinte: a AA deveria dar prioridade de upgrade para os clientes com os vouchers de upgrade de 500 milhas. Se a decisão for de vender os upgrades para todos os passageiros, as chances de se usar os upgrades conquistados por meio de gasto em passagens anteriores e milhas voadas serão praticamente zero. Daí a pergunta: fidelizar pra quê mesmo?

Para mim, upgrade é mudar de cabine e apenas isso. O resto é balela …

Os americanos estão amendrontadíssimos com essa pesquisa, pois estão enxergando mais mudanças prejudiciais para os passageiros, como sempre. Também estão reclamando demais da falta de um campo de comentários livres – eu só imagino a surra que o management do AAdvantage e da AA levariam … rsssss.

Eu tendo a entender essa pesquisa como um indício do fim dos upgrades gratuitos – principalmente para voos internacionais de longa distância (SWU), e a provável inclusão da premium economy como a cabine de upgrade da econômica – hoje o upgrade é da econômica para a executiva.

A gente não tem paz, né pessoal?

 

RELATED ARTICLES

8 COMENTÁRIOS

  1. É…. quem tem um Doug Parker no timão do barco, não precisa de uma tempestade pra levar o navio a pique…
    Um cruzeiro numa jacuzzi já é suficiente…
    Pelo visto não demora muito a AA vai pedir socorro ao artigo 11 da Lei de Falências dos EUA…
    Enquanto isso a Delta vai nadando de braçada por lá…
    Os caras não entendem o potencial que o programa de fidelidade tem de gerar caixa para empresa…

    • A única pessoa que tinha amor ao AAdvantage e queria vê-lo como o melhor programa era a Suzanne Rubin, que pediu demissão pouco antes do debacle geral do AAdvantage. Publicamente, foi por problemas pessoais. Pra mim, foi por desgosto, mesmo.

  2. Desde o primeiro momento que inventaram a “premium economy” nos aviões da cias. aéreas, os site especializados informavam que o objetivo principal dela seria justamente o de impedir o upgrade de econômica para executiva..
    Pelo visto não estavam muito longe da realidade..
    Penso igual vc: upgrade para premium economy, é conversa pra curar insônia do boi… ou conversa pra boi dormir…

  3. É…. quem tem um Doug Parker no timão do barco, não precisa de uma tempestade pra levar o navio a pique…
    Um cruzeiro numa jacuzzi já é suficiente…
    Pelo visto não demora muito a AA vai pedir socorro ao artigo 11 da Lei de Falências dos EUA…
    Enquanto isso a Delta vai nadando de braçada por lá…
    Os caras não entendem o potencial que o programa de fidelidade tem de gerar caixa para empresa…

    • A única pessoa que tinha amor ao AAdvantage e queria vê-lo como o melhor programa era a Suzanne Rubin, que pediu demissão pouco antes do debacle geral do AAdvantage. Publicamente, foi por problemas pessoais. Pra mim, foi por desgosto, mesmo.

  4. Desde o primeiro momento que inventaram a “premium economy” nos aviões da cias. aéreas, os site especializados informavam que o objetivo principal dela seria justamente o de impedir o upgrade de econômica para executiva..
    Pelo visto não estavam muito longe da realidade..
    Penso igual vc: upgrade para premium economy, é conversa pra curar insônia do boi… ou conversa pra boi dormir…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular

Recent Comments

Viajante Pobretão Jr. on Tóquio estuda novo estado de emergência
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Felipe Oliveira Silva on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
disqus_OagBp1mexo on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Emanuel Soares on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
Adalberto Moscal on O Santander não se emenda …
Robson Pereira on O Santander não se emenda …
lissandro dauer on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
ronald william on O Santander não se emenda …
Evandro Sperandio on O Santander não se emenda …
Thiago Soares Correia on O Santander não se emenda …
Gilberto Carmona on O Santander não se emenda …
Henrique P. P. on O Santander não se emenda …
Cinthia Rangel on O Santander não se emenda …
Raimundo Almeida Júnior on A Avianca é a nova parceira Smiles?
luiz paulo alencar on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Afonso De Oliveira Barros on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Quero Viajar na Faixa on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Raimundo Almeida Júnior on Accor amplia o portfólio de hotéis do grupo
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: Viaje Fácil com 75% de desconto
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Marry manuelli paes de farias on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Deyvisson F. R. Almeida on Como a pandemia afetou minhas viagens
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Tiago Luiz Martins S Costa on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Luiz Henrique Moraes Barros Ca on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leonardo Tito Preza Figueiró on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leandro Esteves on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodrigo Guimaraes on E agora, clientes LATAM Pass?
Luis Ghivelder on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodolfo França on E agora, clientes LATAM Pass?
André Ferreira on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Beatriz Roland on E agora, clientes LATAM Pass?
Renan Augusto Arboleda on E agora, clientes LATAM Pass?
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: 70% de desconto na compra de milhas
Denilson Vargas Lima Junior on Os recentes erros de pesquisa no site do Smiles
Thiago Soares Correia on LATAM Pass atualiza o seu programa
Mauricio Laukenickas on LATAM Pass atualiza o seu programa
Leonardo Tito Preza Figueiró on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antagonista Caratinguense on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Renan Augusto Arboleda on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antonio Carlos Oliveira Junior on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Renan Augusto Arboleda on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Eduardo Caldeira Meira on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Ricardo Baccarelli Carvalho on GOL oferece milhas bônus em atraso de voo
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Paulo Henrique Werly Gualberto on O programa Accor Live Limitless está no ar
Paulo Henrique Werly Gualberto on O programa Accor Live Limitless está no ar