q6prmv.md.png
domingo, maio 9, 2021
q6prmv.md.png
InícioEmpresas AéreasOutras Empresas AereasAmerican: mudanças nas aeronaves que operam no Brasil

American: mudanças nas aeronaves que operam no Brasil

A American Airlines está fazendo um reajuste na sua malha aérea para acomodar as novas aeronaves B737-MAX8. Uma das cidades afetadas será Brasília e a mudança, que acontecerá a partir do dia 3 de maio de 2019, é simultaneamente boa e ruim …

Vamos pelo lado bom: o B737-MAX8 é uma aeronave super-moderna e vai substituir os B757 que não são mais fabricados pela Boeing. Algumas aeronaves ainda não estavam retrofitadas e os assentos são estilo tobogã.

Agora, as más notícias: apesar de antigos, alguns B757 estavam retrofitados e ofereciam um produto que, se não era excelente, era suficiente para as 7 horas que separam Brasília de Miami.

Entretanto, apesar do B737-MAX8 ser moderníssimo, a American optou por instalar os assentos da premium economy dos seus B777-200, B777-300, B787-8 e B787-9 como sendo a executiva dessas novas aeronaves.

Ou seja, se antes você dormia deitado ou inclinado nos assentos tobogã, agora você vai sentado mesmo.

E tem mais, para tirar o peso da aeronave para economizar combustível, nenhum assento possui tela de entretenimento. Os passageiros terão acesso a filmes e séries via celular, tablet ou computador. Ou seja, se você está viajando só com o seu celular, contente-se com a tela dele durante as próximas 7 horas …

Para o pessoal da econômica, o espaço das pernas é reduzidíssimo, pois a configuração foi pensada na densificação da cabine em voos domésticos. Densificação é um nome bonito para a nossa velha e conhecida lata de sardinha.

A escolha se dá, acredito, para que a empresa possa competir com a GOL, que sequer tem cabine executiva em seus voos. Em outras palavras, a pedra filosofal das empresas hoje em dia é nivelar por baixo, mesmo.

Por fim, a American vai colocar o B77W para fazer as rotas entre EUA e Japão. O B77W voa para Hong Kong, Sydney, Buenos Aires, São Paulo e Londres. Ainda não se sabe ao certo qual desses destinos vai sofrer um downgrade para o B772, que não tem primeira classe. Acredito que Hong Kong e Sydney sejam mantidos pela distância e HKG é uma rota premium da AA. Além disso, a Qantas oferece primeira classe nos seus A380 para os EUA.

Sobram Londres, Buenos Aires e São Paulo. Eu também tiraria Londres dessa equação, pois é B77W é a única aeronave da AA que tem primeira classe e JFK-LHR é uma rota com muita concorrência.

Sobram nosotros da América do Sul. Resta saber se seremos nós ou nossos hermanos argentinos que vão perder o B77W.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular

Recent Comments

Viajante Pobretão Jr. on Tóquio estuda novo estado de emergência
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Felipe Oliveira Silva on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
disqus_OagBp1mexo on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Emanuel Soares on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
Adalberto Moscal on O Santander não se emenda …
Robson Pereira on O Santander não se emenda …
lissandro dauer on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
ronald william on O Santander não se emenda …
Evandro Sperandio on O Santander não se emenda …
Thiago Soares Correia on O Santander não se emenda …
Gilberto Carmona on O Santander não se emenda …
Henrique P. P. on O Santander não se emenda …
Cinthia Rangel on O Santander não se emenda …
Raimundo Almeida Júnior on A Avianca é a nova parceira Smiles?
luiz paulo alencar on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Afonso De Oliveira Barros on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Quero Viajar na Faixa on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Raimundo Almeida Júnior on Accor amplia o portfólio de hotéis do grupo
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: Viaje Fácil com 75% de desconto
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Marry manuelli paes de farias on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Deyvisson F. R. Almeida on Como a pandemia afetou minhas viagens
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Tiago Luiz Martins S Costa on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Luiz Henrique Moraes Barros Ca on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leonardo Tito Preza Figueiró on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leandro Esteves on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodrigo Guimaraes on E agora, clientes LATAM Pass?
Luis Ghivelder on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodolfo França on E agora, clientes LATAM Pass?
André Ferreira on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Beatriz Roland on E agora, clientes LATAM Pass?
Renan Augusto Arboleda on E agora, clientes LATAM Pass?
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: 70% de desconto na compra de milhas
Denilson Vargas Lima Junior on Os recentes erros de pesquisa no site do Smiles
Thiago Soares Correia on LATAM Pass atualiza o seu programa
Mauricio Laukenickas on LATAM Pass atualiza o seu programa
Leonardo Tito Preza Figueiró on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antagonista Caratinguense on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Renan Augusto Arboleda on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antonio Carlos Oliveira Junior on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Renan Augusto Arboleda on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Eduardo Caldeira Meira on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Ricardo Baccarelli Carvalho on GOL oferece milhas bônus em atraso de voo
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Paulo Henrique Werly Gualberto on O programa Accor Live Limitless está no ar
Paulo Henrique Werly Gualberto on O programa Accor Live Limitless está no ar
Sílvio Carneiro on A GOL vai incorporar a Smiles
Vanessa de Carvalho Dias on A GOL vai incorporar a Smiles
Daniel Gadelha on A GOL vai incorporar a Smiles
Luiz Rodrigues on A GOL vai incorporar a Smiles
Henrique P. P. on A GOL vai incorporar a Smiles
Daniel Gadelha on Uma pausa necessária …
Sílvio Carneiro on Uma pausa necessária …
Vanessa de Carvalho Dias on Uma pausa necessária …
Luiz Carlos Costa on Uma pausa necessária …
Carlos Certório on Uma pausa necessária …
Luiz Rodrigues on Uma pausa necessária …
Wanderley Campos on Uma pausa necessária …
Dott. Macchia on Uma pausa necessária …
Beto Junior on Uma pausa necessária …
Anna Paula David on Uma pausa necessária …
Fabio Henrique on Uma pausa necessária …
Henrique P. P. on Uma pausa necessária …
Jorge Brito on Uma pausa necessária …