q6prmv.md.png
sábado, abril 17, 2021
q6prmv.md.png
InícioAssuntos VariadosComo a pandemia afetou minhas viagens

Como a pandemia afetou minhas viagens

A pandemia do coronavírus é, certamente, o evento coletivo mais grave que já experimentei. O 11 de setembro é fichinha perto do que está acontecendo agora. O mundo está semi-paralisado, contando, basicamente, com os esforços dos heróis da saúde – médicos, enfermeiros, técnicos, etc, do abastecimento – caminhoneiros, caixas de supermercados e farmácias, e de prestação de serviços – lixeiros, policiais, atendentes de farmácia etc. A essas pessoas devemos nossa gratidão por tornarem a nossa vida menos trágica nesse momento.

O COVID-19 virou a minha vida de cabeça para baixo. Estou em isolamento social há duas semanas e preocupadíssima com os membros da minha família que estão, na maioria, no grupo de risco. Estou tendo que adaptar toda a matéria presencial para o sistema online para que os alunos não percam o semestre. Fora toda a tensão social do momento …

Além disso, o coronavírus afetou diretamente a minha agenda de viagens, que previa algumas novidades em termos de avaliação aqui no blog.

A Pandemia e as Viagens Marcadas

Eu tinha feito uma ginástica para ir ao Freddie Awards desse ano, que seria em New Orleans, no dia 30 de abril. De lá, passaria um dia em Miami com um casal de amigos e voltaria no dia 1o de maio para o Rio, levando as compras para a chegada de um novo membro na minha família. Seria quase que um bate e volta: 3 noites fora.

Eu emiti um Rio de Janeiro – Santiago para experimentar a premium economy da LATAM para a América do Sul. De lá iria para Atlanta com a Delta, no B767-400 com o novo assento da executiva, semelhante ao Delta One. A volta seria numa aeronave retrofitada da LATAM.

Ou seja, seriam 3 avaliações inéditas aqui no blog, e ainda teria, pelo menos, dois lounges: o da Delta em Santiago (eu tinha a esperança que o lounge da Skyteam estaria pronto), e o da LATAM em Miami.

Mas tudo foi cancelado: a cerimônia de apresentação dos Freddie Awards, assim como os voos da LATAM. Só falta o da Delta que ainda está ativo, mas creio que, nas próximas semanas, ele será cancelado.

Todos os trechos foram emitidos com milhas LATAM Pass e Smiles.

Eu ainda tenho uma viagem para a Ásia no início de julho, emitido com o TAP Miles&GO. Entretanto, tenho minhas desconfianças de que até lá ainda não será possível viajar. Em primeiro lugar, a própria pandemia pode ainda não ter desenvolvido todo o seu potencial destrutivo ou, ao contrário, ter sido trágico, como na Lombardia. Não há clima para passeio no Lago di Garda nos próximos meses …

Além disso, ainda temo que, a ser mantido o posicionamento atual do presidente, alguns países possam adotar medidas sanitárias contra voos com origem no Brasil. Isso pode impedir que nós, brasileiros, possamos ter livre circulação pelo mundo.

Agora, me contem sobre vocês: tiveram que cancelar viagens? Vocês estão planejando viajar quando? Segundo semestre? Ano que vem?

Contem pra gente como a pandemia tem afetado vocês.

Ah, e fiquem em casa!

OBS: Esqueci que cancelei minha viagem para Salvador em março para comemorar meu aniversário. Decidi ficar com o crédito na GOL e a Accor cancelou a reserva não-reembolsável sem problemas. Estou aguardando o dinheiro na próxima fatura do cartão.

RELATED ARTICLES

67 COMENTÁRIOS

  1. Já cancelei 2 viagens internacionais: Reino Unido em abril e Israel, Turquia, Jordânia e Holanda em maio.
    Disney em junho já está quase certo que irei cancelar, mas como ainda falta “muito tempo” estou segurando o máximo que puder para cancelar.
    No segundo semestre tenho 3 viagens nacionais, mas acho que não irão rolar.
    Só acredito que essas coisas irão se resolver no ano que vem, com a criação e liberação de uma vacina. Só nos resta aguardar e torcer pra ser o mais rápido possível.

  2. Pode anotar que será o post mais comentado na história. Não tem ‘um bom viajante’ que não esteja sendo afetado – e provavelmente múltiplas vezes como você foi.

    Até aqui já adiei ida ao RJ pra ficar no Fairmont (!!) e ida ao show, também adiado, de um guitarrista americano que tem mais de década que não vinha ao Brasil, Pat Metheny (no Rio, 17 de março). Deixei de fazer uma visita a afilhados que foram morar no Canadá logo antes da chegada do vírus (voltaria de lá amanhã, dia 31/03 num ORD-GRU Biz da United – cancelei, já tinha feito a primeira perna desse e perdi as milhas por causa da política de RT da TAP.

    E Julho tá vindo aí prometendo tensão – tenho Miles & Go voando pros EUA no dia 20/07 já preparando o coração caso precise cancelar – viagem com a família toda pra visitar o outro pedaço da família no Colorado… mas, tudo pela saúde e segurança de todos nós. Fiquei triste, chateado, mas não faria qualquer esforço pra furar qualquer coisa – a do Rio, inclusive, podia ter feito pra ficar no Fairmont mas quis poupar de ir pro que era (e ainda é) o segundo ponto de foco do vírus no país.

    Hora de esperar, de stand-by. Atento às oportunidades, mas no momento não pretendo fazer planos e colocá-los em prática. Ainda tem um Cancún em Novembro – vejamos o que nos reserva o mundo e o vírus.

    • Sim, estamos em compasso de espera mesmo. Eu contestaria essa política de RT da TAP. Estamos vivendo uma situação extraordinária que merece os esforços de todos, inclusive da TAP.

  3. Eu posso estar sendo otimista demais, mas tenho expectativa de que em junho as coisas voltem a se normalizar no mundo, porém como você pontuou tenho receio de que devido as atitudes do governo nós brasileiros sejamos impedidos de circular pelo mundo.

  4. Cancelei a minha ida ao Rio no FDS passado, reservei com a trip.com e estou tendo muita dor de cabeça, pois não querem reembolsar a minha volta (a ida consegui cancelar pelo app), mesmo o voo sido cancelado pela GOL.
    Em junho ainda estou na esperança de conhecer Jeri (reservado na própria GOL), e em novembro, viajar para os EUA (ultimos pontos do Latam Pass e Smiles).

    • Novembro está tranquilo. Não sei como estará em junho …
      E eu não entendi o problema da trip.com. Vc comprou ida e volta separados? Pq cancelando a ida, a reserova da volta cairia, não?

  5. Este mês eu iria para Argentina, México e Gramado. Cancelei as 3, infelizmente. Maio tenho uma que está praticamente certo que será cancelada. Só vou manter por enquanto setembro e outubro, mas outubro pre preocupa por ser estados unidos. Dificil mesmo está resolver as que vieram através de agência. Odeio, mas é um mal necessário. Os bugs normalmente só vem por lá.

  6. Cancelada Caribe e USA agora dia 01/04 remarquei pra junho to na esperança! Hawaii em setembro! Austrália e Nova Zelândia de pé pra dezembro!

  7. Cancelada Caribe e USA agora dia 1 de abril, remarquei pra meados de junho, to com uma esperança danada Bia! De pé Hawaii em setembro e NZ e Austrália em dezembro !!!

  8. Eu estava no final da minha viagem, quando 16/03, vi que a situação estava evoluindo para uma catástrofe, e interrompi a mesma. Estava em Camboja, quando iria para Finlândia, onde ficaria 5 noites em Rovaniemi e depois iria para Portugal, onde ficaria mais 4 noites. Iria Voar Qatar até a Europa. Percebi que a situação não permitia mais segurança em continuar a viagem (risco de não conseguir mais voltar ao Brasil), quando no mesmo dia emiti uma passagem de Camboja para Africa do Sul, com a Cathay Pacific (70.000 pontos American Airlines), executiva. De Joanesburgo emiti com a LATAM, usando 30.000 pontos LATAM pass, econômica, mas consegui upgrade cortesia e acabei vindo de executiva (excelente deal). Acertei em antecipar minha volta, caso contrário estaria até hoje na Europa, pois meu vôo com a TAP foi cancelado que traria eu de volta ao Brasil. Cancelei trecho Asia-Europa e Europa-Europa que tinha emitido com a AA, sem nenhuma dificuldade ou multa, tudo ja estornado (taxas cartão e milhas na conta). TAP só consegui cancelar os vôos quando foram oficialmente cancelados no sistema da empresa, milhas de volta na conta, perdi só a taxa de emissão, e fiquei com um presente de grego – voucher usar TAP, que diferente do que o PP fala, não pode ser usado para pagar taxas de embarque, combustível ou de emissão, se usar milhas voar, sendo vôo puro TAP ou Star Alliance. Tive cancelar uma viagem que iria ao Fiji (essa está doendo, mas é a vida…), Caribe e Australia que seria feito em maio e começo de junho. Passagem com milhas da AA, para voar parceiras, canceladas sem nenhuma dificuldade, nenhuma multa, taxas reembolsadas cartão e milhas de volta para a conta. Hotéis accor que reservei em tarifa não reembolsável, todos aceitaram, sem nenhuma dificuldade, em cancelar e reembolsar sem multa. Quem está dando trabalho é a submarino viagens que tenho algumas reservas, mas que estou esperando o desenrolar fatos, para ver se aciono o judiciário ou não. Tenho viagem para agosto, para a Islândia e Noruega, que apesar de não acreditar que tudo estará normal, acredito que será possível viajar, caso não seja possível, acredito que entraremos na pior recessão econômica que o mundo já passou (se 4 meses não for o suficiente para o mundo voltar a funcionar, nem que parcialmente, quantas empresas conseguirão sobreviver???).

    • Acho que agosto já dará para ir. Mas, como vc disse, talvez as coisas ainda não tenham se normalizado 100% – se é que o mundo voltará a ser o que era …

      • Beatriz. Tudo bem? Hoje em Portugal já foi anunciado que a quarentena deve ser prorrogada até final de junho, devido ao pico previsto para final de maio.
        Aulas não devem voltar tão cedo.
        O clima e sensação na europa, principalmente Italia, Espanha e França é de que a situação não se normalize tão cedo.
        Enfim, deveria estar no meio de uma viagem para a Ásia, e estamos nos revezando entre sala, quarto, varanda e cozinha.
        Vida que segue. Aguardando a 15 dias meu reembolso de pontos e dinheiro (ambos) da Smiles resgate pela Qatar. Cancelamento foi feito manual e até hoje nada.

  9. Eu emiti GRU-MIA e GRU-JFK para os feriados de setembro e novembro respectivamente, claro que é um risco mas dado que viajo sozinho e as passagens estavam absurdamente baratas, não pensei 2 vezes para reservar..
    Se não der, paciência!!!!

  10. boa tarde..

    Minha vida, ou melhor, minhas viagens já foram afetadas 3 vezes.

    Tenho ainda que me livrar das milhas da Latam que vão expirar nessa semana e desde o Natal/2019 já tinha previsto 2 viagens e me segurei.

    A primeira seria para Lisboa na semana do carnaval e a segunda para Roma e adjacências em Junho.

    Desde o natal eu já estava sabendo dos problemas lá da China e eu meti o pé no freio e me segurei em emitir a passagem pra Lisboa pq seria em menos de 2 meses pra viajar.

    A segunda viagem eu ainda tinha muito tempo pra emitir e não me preocupei , apesar de já ter montado o roteiro com os hotéis escolhidos.

    Em Janeiro me apareceu uma oportunidade de ir para Miami no meio de março e me hospedar de graça no Hilton por um convite para eu ser um guia de lá e achei a idéia ótima, mas meu pé já estava mais no freio ainda e me segurei .

    A minha estratégia usando milhas na economica e pegar um upgrade viajando para Miami com a Latam era usar os 6 cupons que estão abandonados na minha conta.

    Pretendia fazer uma viagem do Rio para sp, pegar uma conexão depois gru – eze ou gru – scl e depois pegar um dos trechos para miami com os cupons e ir de premiun businesse gastando pouco.

    Ou seja, lei de murphy é cruel e a lei da sobrevivência falou mais forte , ou seja, estou em casa e minhas milhas estão expirando.

    Pelo menos a smiles tomou vergonha e já se manifestou em estender o prazo das milhas.

    Falta agora a Gol, Azul, Tap , dona Latam e a moça da Latam junto com a galera que fica respondendo no facebook sair da quarentena e me responder se eles vão seguir a mesma atitude.

  11. Estou com uma emissão usando milhas TAP voando Copa para Curaçao no início de junho (ida dia 09 e volta dia 22). Para mim, a chance de viajar está próxima dos 1%. Sorte a minha que tinha reservado apenas o hotel lá (via Booking, cancelamento grátis até 15 de maio).

    Para não ter que pagar a simplória taxa de 120 euros para cancelar o voo, estou esperando a TAP se pronunciar, pois até agora ela somente anunciou diretivas para voos até o final de abril. Acho que com o passar do tempo ela irá ir renovando o anúncio, minha esperança é que eu consiga remarcar o voo sem nenhum custo adicional.

  12. Eu tive que cancelar um pacote (comprei no Subviagens promoção 17×1 livelo) para África do sul, era pra eu está lá neste momento fazendo safari. aff. Ainda bem que cancelei. O cancelamento foi bem complicado, fiquei horas no telefone para falar com Subviagens, até conseguir, porém até hoje não sei como receber, me parece que vai ser ´voucher na cia aérea, mas tem o hotel tmb, enfim, eu nunca compro pacote, esta foi a primeira vez na vida, e senti que se tivesse comprado diretamente com a cia e o hotel, teria sido mais fácil.

      • Eu tmb pensei assim, mas como foi eu que cancelei, não tinham fechado fronteira lá ainda, eles falaram que não cabia reembolso. mas acho que nem eles sabem como fazer, acho que talvez vou ter q litigar.

      • A resolução da ANAC feita em razão do coronavírus f**** o consumidor.

        Reembolso só nas condições originais da tarifa. Aí cabe ao consumidor decidir entre o crédito (voucher) ou remarcação, mas essa, em datas à critério da cia. aérea.

        Reembolso completo em caso de tarifa que não dá reembolso somente no caso de cancelamento em menos de 72hs pro voo, sem aviso.

  13. Bem vinda de volta Bia. Cancelada a Eurotrip de abril agora, tudo voo puro com a TAP. No momento estou na terceira ligação, aguardando atendimento, as duas anteriores caíram no meio do atendimento. Como os voos foi a TAP que cancelou e até o momento os atendentes disseram que as milhas que voltam não vão expirar até junho, estou mais tranquilo, pois daí consigo emitir para a Páscoa do ano que vem, e aproveito e uso o voucher que a empresa está nos impondo a aceitação (muito ruim isso).

    Por falar em voucher, abri um consumidor.gov em relação a Subviagens que quer devolver o valor do meu hotel reservado em Amsterdã somente em voucher, vinculado a eles, um absurdo. Se mantiverem esta postura, vou ao JEC. E o pior são os 76 mil pontos Livelo que não ganharei nessa estada (promo 17×1).

    Tenho ainda EUA e Canadá no fim de julho, com pouca expectativa que vá conseguir ir, mas até lá muito coisa vai acontecer, e na pior das hipóteses remarco para julho do ano que vem.
    Por fim, na virada deste ano tenho Ásia com o Miles and Go, e de lá Oceania com a Smiles e Lifemiles, sendo a ida e volta para a Àsia via Europa. Essa a maior viagem do ano, que rezo para que tudo normalize até lá.
    Estamos passando por um grande pesadelo e, com certeza, o mundo não será o mesmo depois disso tudo. Espero que fique um grande aprendizado a todos.
    Saudações.

  14. Estive em viagem na Califórnia com minha esposa do dia 13 ao dia 26. Originalmente voltaria no dia 28 com passagens de ida e volta pela Aeroméxico. A viagem se iniciou em Las Vegas e na chegada todos os buffets já haviam fechado, tive um espetáculo cancelado apesar da cidade estar movimentada e aparentemente normal. 3 dias depois ficou visivelmente mais vazia e com algumas lojas já fechadas, no nosso último dia de hospedagem divulgaram que em breve todos os hotéis seriam fechados.

    Partimos para o Sequoia National Park, que apesar de funcionando estava bem vazio e sem funcionários trabalhando mesmo na entrada do parque. A compra do bilhete estava sendo feita diretamente pelo site por orientação deles.

    A próxima parada seria o Yosemite (que acabou sendo totalmente fechado para visitação poucos dias depois) mas decidimos não ir e partimos para nos abrigar na casa do meu irmão na região da Bay Area onde ficamos sem sair de casa o restante da viagem, logo que chegamos foi decretado o shelter in place.

    A viagem contaria também com uma parada em L.A mas certamente não iríamos pois as coisas estavam se agravando exponencialmente e finalizaria novamente em Las Vegas de onde partiria o vôo de volta.

    Nesse meio tempo tive cancelado a reserva do hotel em L.A, um vôo doméstico entre L.A e Las Vegas pela Spirit, uma diária em Las Vegas, o vôo de volta pela Aeroméxico, um vôo doméstico pela Gol e três remarcações de um novo vôo direto de volta pela Delta.

    Certamente uma experiência nada agradável, bastante preocupação de ficar preso sem possibilidade de volta já que mesmo o novo vôo comprado foi remarcado três vezes. Agradeço por ter conseguido voltar e espero que todos que ainda estejam fora também consigam!

    PS1. A pior experiência foi com a Aeroméxico que deu zero suporte, zero informações, contato por telefone era impossível e não deram nenhuma alternativa de cancelamento ou remarcação. Devido ao vôo cancelado da Gol tive que alugar uma diária de carro pela Localiza/ Hertz para fazer uma viagem interestadual. Iria devolver o carro no dia 27 mas a agência de devolução está fechada e pediram para ficar com o carro por tempo indeterminado até reabrirem.

    PS2. A todo momento todos os cuidados de higiene, distanciamento social, quarentena e etc sempre foram e estão sendo respeitados para a minha segurança e dos demais que tiveram contato já que os EUA já estavam com um grande número de casos.

  15. Ainda conseguir ir para os EUA no carnaval.

    Mas agora em março, iria para Milão, que foi cancelado, uma super briga com a TAP, para esse reembolso, me negaram, vou aguardar normalizar e pedir na justiça a passagem já paga.

    Estaria em São Paulo essa semana, o evento foi cancelado.

    Em junho, ainda esta de pé, minha ida a Campos do Jordão, a última viagem da minha filha sem pagar passagem.

    E por último a que mais me da receio, uma RTW em setembro, que iria para Ásia, Oceania, voando com a Turkish, singapure, Ana, todos de biz, que estou no maior receio pro todo trabalho é emitir uma RTW, e como estará o preço do dólar até lá.

      • Exatamente, até onde conseguir falar, só me permitiram adiar até final de maio. Recusei, até que na antevéspera eles cancelaram o voou, até Milão e não conseguir mais contato por telefone, mandei e-mail entrei no consumidor.org, e mesmo assim, seguiram o posicionamento.

  16. Eu ainda não consegui descobrir com certeza é se a GOL tem ou não obrigação de fazer reembolso integral em vôo cancelado. Sei que o reembolso vai levar 12 meses, mas mesmo assim a GOL esta se recusando a processar o reembolso sem cobrança (no caso de tarifa light o reembolso seriam apenas as taxas). A atendente alega que segundo as novas regras da ANAC como o cancelamento foi devido ao Coronavirus eles não são obrigados a fazer o reembolso, apenas crédito ou remarcação. Eu li com calma o Termo de Ajustamento de Conduta, assinado entre as cias aéreas e o MP, a medida provisoria 195, mas não cheguei a uma conclusão definitiva. Não sei se terei razão numa possível ação no JEC quando tudo normalizar. Qualquer ajuda me elucidando quais são de fato meus direitos seria bem vinda. Em tempo, trata-se de um vôo nacional em meados de abril. A rota ja esta cancelada, mas entrando na reserva consta como normal. Pode ser que quando for cancelado oficialmente esta situação mude. Desculpe a msg longa e agradeço antecipadamente qualquer orientação.

    • TAC e Resolução ANAC ñ prevalecem sobre lei…
      JEC vai julgar sob aspecto da lei…
      Um TAC apenas poderia atenuar uma graduação punitiva….
      Por enquanto em nosso país, a prerrogativa de fazer as leis, é do Legislativo e não dos MP’s ou de agências governamentais…
      Nenhum dos dois têm prerrogativa de alterar o alcance das leis…
      O único órgão que pode fazer isso é o Judiciário ao interpretar a legislação, mas ainda assim com muita limitação e tendo que usar os princípios gerais…

    • Se teu voo teve alteração de horário em mais de 30 min. ou foi cancelado, vc tem direito ao reembolso integral de acordo com a resolução 400 ANAC. A MP só prorrogou p 12 meses esse reembolso e não revogou nada além disso na resolução. Portanto, se a Gol não quer reembolsar é entrar no Jec que é causa ganha.

    • Se a cia. aérea for separada do programa de fidelidade, é até uma maneira de vc ter um pouco mais de segurança no caso de um dos dois quebrar..
      Exemplo:
      Vc tem milhas no Smiles e emite passagens para voar na KLM/Air France..
      Bilhetes emitidos, milhas baixadas de sua conta…
      Situação 1:
      Smiles quebra… problema da KLM/Air France.. com seu bilhete emitido, vc terá direito de voar…

      Situação 2:
      KLM/Air France quebra (não ria.. é didático)… problema do Smiles…
      Vc pede devolução das suas milhas…

      Em ambos os casos, se aplica a chamada Teoria do Lucro, que é aplicada nas relações de consumo, que afirma que o risco do negócio (lucro/prejuízo) é da cadeia de fornecedores contratados para prestar o serviço/fornecer o produto ao consumidor e não deste…

      Situação 3:
      Ambas quebram…
      Aí, sugiro emitir uma passagem pela Alitália, com pedido de audiência com Sua Santidade o Papa Pop Hermano, e pedir uma passadinha de mão na cabeça… tem gente fazendo isso e tem dado certo…

      Situação 4:
      Alitália quebra… aí, só mesmo convocação geral dos céus… rsrs

      Agora, vamos aos outros aspectos de uma viagem…
      A Beatriz tem lembrado que não saberemos como estará o fluxo internacional de pessoas… principalmente do Brasil, tendo em vista as pressões para afrouxar o isolamento… nisso aí, pode ocorrer uma certa xenofobia com brasileiros…
      Além disso, teremos que analisar a situação do câmbio…
      Em períodos críticos, os especuladores se aproveitam… e qq notícia é motivo para turbinar cotações… e a situação política do nosso executivo federal está muito sensível..
      Some-se a isso tudo, situações dos locais para onde vc vai…

      Se a multa por cancelamento de emissão das passagens ao usar essas milhas não for muito grande, e se vc já tiver boa parte da moeda que vai usar no destino, de repente não é de todo ruim aproveitar a ocasião..
      Mas, tenha em mente que:
      Se muitas pessoas emitirem agora, as tarifas vão se manter e talvez ter uma leve alta…
      Se poucas pessoas se aventurarem, as tarifas em milhas podem descer ainda mais..
      Saber a hora certa, é a resposta de um milhão de dólares…
      Boa sorte…

  17. Tambem tenho em junho gru-scl-atl com smiles gol+delta e volta por eze delta+gol. Embora a regra do cancelamento da delta seja ate 30/abril, com o fim da parceria delta-gol nao sei se cancelarem vao reembolsar milhas ou fica por isso mesmo. Estranho que nas aereas os voos estao confirmados mas o checkmytrip indica cancelado nos voos da gol da ida e da volta.

  18. Tenho emitido na AA, GRU=>MIA, MCO=>GIG, pro final/início do ano… pros 6 pax da minha família….
    Tudo do tipo cancelavel , como SEMPRE faço… apenas a passagem terei uma multa de US$ 275.00 no total pra reaver as milhas…
    A reserva do hotel em MIA, já reemiti 2x, porque está ficando cada vez mais barato…
    A reserva do rent a car, tb refiz 2x, e nessa em situações rigorosamente iguais, já ficou US$ 450.00 mais barato…
    Hotel em MCO feito com pontos IHG, e não mudou…
    Tenho os dólares para ir, parte cash, parte em depósito no CHASE…
    Apesar disso tudo, 2020 está sendo um aprendizado….
    Principalmente em termos de mídia e no quanto ela influência para o bem ou para o mal e como existe manipulação de posições para um lado e para outro…
    Poucas pessoas têm percebido, mas como num toque de mágica, o nosso país passou a não perceber o quanto as nossas mazelas são infinitamente superiores aos efeitos do Corona Vírus…
    O país abençoado por Deus, teve nos últimos 10 anos, mais de 500.000 pessoas mortas por assassinatos, 450.000 mortas por acidentes de trânsito … teve mais de 800.000 pessoas mortas por doenças coronarianas… quase 700.000 mortas por câncer…. e mais de 300.000 mortas por Dengue, Chikungunha, Sarampo etc etc…
    E onde esteve a nossa indignação com esses números???
    Ninguém discute e nem nega que a vida vem acima de aspectos financeiros… acho que hoje poucas pessoas são contra o isolamento social…
    Minha mãe está isolada em casa com minha irmã mais velha, que quando vai ao supermercado, parece um astronauta da NASA…
    Eu tenho ido trabalhar todos os dias… porque nossa empresa presta servico ao pessoal da área de saúde, da PM e ao MPF… e a coisa está crítica na saúde…
    Eu tenho visto tudo vazio, parado, e as pessoas corretamente cumprindo e obedecendo as determinações das autoridades porque estas pessoas estão realmente alarmadas com o COVID-19… e não é pra menos…
    Mas….
    Onde nós falhamos em nao nos alarmarmos com as nossas outras mazelas????
    Porque a mídia não cobrou das autoridades constituídas medidas drásticas para zerar ou ao menos reduzir esses números que matam muito mais que qq vírus????
    O câncer não tem cura ainda, sera porque a indústria por trás do tratamentos ñ tenha interesse, seria porque a mídia ñ pressiona um resultado, quem sabe a sociedade não se deu conta do quantitativo ou tecnicamente é difícil ou impossível obter-se a cura ????
    Ok… mas onde houve mobilização para a prevenção e a precocidade do diagnóstico????
    Eu vejo tudo isso e me pergunto: por que estamos tão tristes e amargurados por não sabermos se no final do ano poderemos viajar mundo afora ????
    Por acaso o nosso bairro, as nossas cidades, as nossas belezas não nos bastam neste momento ????
    Ontem, eu passei em frente ao “Central Park” de Niterói, que é o Campo de São Bento… é o parquinho da minha segunda infância e foi dos meus filhos…, aos sábados sempre voltamos lá… mas ontem estava fechado…
    Não poder ir para os EUA ou para Europa neste momento é muito ruim, mas pior que tudo isso é não poder ir ao parquinho da minha infância, é muito ruim não reunir minha família toda para comemorarmos o meu aniversário e da minha filha agora em abril…
    E o fim do mundo pra mim, é não poder abraçar e beijar minha mãe…
    Perto disso tudo, da não indignação de nossa sociedade com nossas mazelas, eu me pergunto por que tanto medo de morrer de Corona Vírus e por que não temer das outras causas….
    2020 é um ano para reflexão e introspecção….

    • Pensei exatamente isso esses dias, em conversa aqui em casa.

      O povo está, em sua maioria, seguindo as orientações e ficando em casa, da mesma forma que o governo está agindo para evitar a contaminação e o caos nos hospitais. No entanto, ninguém se revoltou (e a mídia apenas divulga números, mas não aponta o dedo para a falta de atitude) com as milhares de mortes anuais causadas por outras “epidemias”, tais como dengue, assaltos, homicidas bêbados ao volante…

      Quem está em casa agora se cuidando deveria olhar para si e refletir: quando voltar à normalidade (!), continuarei deixando água parada e dirigindo após beber?

      • Exatamente isso…
        Acho que nós, como sociedade, estamos fazendo o dever de casa agora.. tipo o exercício da folha 2020…
        Mas, deixamos de fazer os exercícios da folha 1988 até a 2019…
        “.. a gente que não está acostumado com isso, estranha…”.(TM)
        (TM) By Algum quadro humorístico do passado…

        PS: pra vc ver como o mundo e as pessoas são previsíveis… My God…
        Fui procurar no google qual era o quadro humorístico que tinha o bordão do “.. a gente que não está acostumado com isso, estranha…”
        Caracas..
        E não é que achei uma publicação, do ano de 1979, ou seja, de 31 anos atrás, com o seguinte teor:

        “…..João Dória Junior deixou a direção de divulgação da Divisão de Comunicações da Rede Bandeirantes, do Rio. Aliás, não sei o que está acontecendo com a Bandeirantes, pois ninguém tem esquentado cadeira ultimamente em qualquer um dos seus vários setores. A gente que não está acostumado com isso, estranha!….” (grifo meu)

        Pelo visto, o João Dória nunca foi de esquentar muito na cadeira…
        Fico com a nítida impressão de que, caso algum dia ele seja eleito Presidente da República, haverá um movimento mundial pela criação do cargo de Presidente da República do Mundo… e, claro, já sabe quem não vai terminar o mandato de Presidente do Brasil……. rsrs
        OBS: não é crítica política… apenas uma licença poética…

    • Algumas coisas me espantaram esses dias. A preocupação com a higiene quando há comunidades que não têm água encanada. O recomendado distanciamento quando numerosas famílias dividem habitações minúsculas e justapostas. A saúde sendo tema de noticiário quando já há muito tempo não há prevenção, esgoto não é levado a sério, os hospitais públicos não têm nem macas nem salas para cuidar os doentes.
      Mais outras doenças do mosquito, do rato, o trânsito, mortes por violência.
      Espero estar errado mas me parece que a preocupação com esta doença é que ela mata rico.

  19. Resumo do biênio 2019/2020:

    Beatriz, lembra das promoções da Lufthansa no ano passado, ida e volta em executiva para Europa por 5 mil reais?
    – Foi bom enquanto durou… de dezembro de 2018 a agosto de 2019 viajei seis vezes no 747-400, a partir do Rio, com destino final Madrid, Oslo e Munique.

    – Além disso usei o bilhete cortesia do Smiles Diamante para conhecer o Equador. Foi sensacional, classe Premium da Gol me surpreendeu, sala VIP em UIO excelente, e conhecer o Equador valeu muito.

    – Janeiro 2020: Última viagem a serviço, NYC com a Delta, ambos os vôos GIG-JFK-GIG com executiva 100% ocupada.

    – Dia 19 de março teria um bate e volta a BSB: consegui cancelar a reunião e os bilhetes.

    – Início de abril: Reunião de trabalho em Londres, cancelada pelo organizador, bilhetes IB cancelados.

    – Dia 13 de junho: Reunião em Estocolmo, Suécia. Já foi cancelada. Ainda não tinha passagens emitidas;

    – Outubro: Emitido bilhete cortesia Smiles para Fernando de Noronha. Acho que essa viagem vai ser mantida.

    Ainda falta emitir o bilhete cortesia desse ano, e tenho milhas Smiles (quantidade enorme), AAdvantage e Mileage Plus. Sem contar os pontos Livelo.

    Pensando seriamente em usar o Shopping Smiles para uma nova TV, notebook, e outras bugigangas…

  20. Meu final de 2019 e começo de 2020 foi como venho fazendo há um tempo: viajando. Aproveitei aquela gloriosa promoção da Lufthansa e emiti GRU-MUC (via FRA e ZRH) de executiva. De lá usei as milhas para ir e voltar da Ásia. Contemplei Singapura (as comidas, o Jewel) e Bangkok (quis dar uma segunda tentativa). O retorno foi BKK-ICN-CDG com a Korean Air emitido via Smiles. Também teria a oportunidade de conhecer o T2 de Incheon.

    Chega no dia 01/01 e já sabendo que os aviões da Korean Air não tem Wi-fi, já baixei os vídeos do meu feed do YouTube. Nisso vejo um que me chamou atenção .Era do South China Morning Post, de Hong Kong, onde citava que uma doença misteriosa havia sido detectada em Wuhan.
    Ok. Segui a vida. Fiz o trajeto todo de retorno BKK-ICN-CDG-MUC-ZRH-GRU. Vida que segue, ano que segue.

    Meio de janeiro e já haviam mais informações sobre o coronavírus, mas o alarde ainda era somente no Ásia. Já havia casos de pessoas infectada no Japão e Tailândia, além de Hong Kong. Até cheguei a me perguntar se poderia estar infectado ou não.

    Fevereiro resolvo voltar com meu namorado pra Europa (mora e trabalha lá). Aprovetei a qualificação da United e emiti um GRU-EWR-FRA com a United e usei os upgrades (que deram certo em todos os trechos!)
    Havia emitido o retorno com a Latam via Lisboa. Já era dia 15 de Fevereiro e eu resolvi ficar mais 5 dias por lá .Cancelo o trecho da Latam (que foi emitido por Latam Pass) e pego uma tarifa one-way da TAP. Mal sabia que seria minha última viagem. Inclusive marcada.

    O TripIt e o Flighty estão vazios.
    Cancelei o Expertflyer.

    Achei que fosse sentir falta, mas até que não está sendo tão difícil como estava esperando que fosse ocorrer.
    Enfim.. prevejo alguma viagem só no segundo semestre.

  21. Round Trip entre uruguai e argentina, cancelados todos os voos emitidos com milhas Latam Pass e Smiles, todas já reembolsados as milhas , infelizmente metade das milhas smiles do reembolso foram perdidas pois estavam vencidas, taxas de embarque ainda esperando o estorno, hotel no uruguai reembolsado sem problemas pelo tipo de tarifa, Hotel da Argentina cancelado pelo Hoteis.com e vão me enviar um crédito pra usar novamente no futuro, unico prejuizo por enquanto é o BuqueBus entre montevideo e Buenos aires que já mandei email ,preenchi formulario e nada..

  22. Cancelei com a AA uma ida aos EUA que seria maio/junho. Liguei, atendimento rápido, milhas voltaram no mesmo dia. Fiz outra reserva para Setembro, espero que esteja possível viajar.
    Tenho uma viagem à Europa em julho/agosto. A TAP cancelou a ida e a volta ainda está ativa. Estou esperando para ver a situação, mas poucas esperanças, acho que vão cancelar tudo… Mesmo que a pandemia tenha dado trégua, que parece pouco provável, resta saber se vai ter férias escolares esse ano e em qual período.

  23. Quanto a barrarem brasileiros pelo mundo, acho difícil. O vírus está em todo o mundo. O que vai diferenciar o cumprir ou não a quarentena será a quantidade de mortes por falta de capacidade do sistema de saúde de atender a tantos ao mesmo tempo.

  24. Prezada Beatriz,

    Minha situação é bem complexa, mas ainda assim esperançosa.

    Complexa pois cancelarei uma RTW de quase 40 dias emitida com milhas AA, SMILES, “Maxmilhas”, compras na Decolar, Trip.com etc. Tudo em First ou business.

    Hotéis bem interessantes e casas reservadas via diversos sistemas, tais como Airbnb, Hoteis.com, e outros….

    Tudo previsto para julho… e cancelarei, tomando prejuízo (superior a 10k ou 15k) ou não caso as companhias aéreas e sites envolvidos até lá estendam o período de “cancelamento gratuito” e não quebrem.

    E, mesmo diante de tal cenário, inseri o “esperançoso”. Por quê?

    Porque cancelarei tudo, independentemente do prejuízo financeiro, vez que, para mim, o mais importante agora é sobreviver. Sobreviver com saúde e com nossos familiares, ao final, vivos e bem.

    De nada adianta para mim viagem em First, Business, bangalôs sobre a água, etc. (tal como programada), se não estiverem vivos e com saúde os entes queridos.

    Logo, sim, terei um MEGA prejuízo financeiro… mas totalmente aceitável se as pessoas queridas (que estão se cuidando e não acreditando em medicina de zapzap) estejam bem ao final de tudo.

    Não critico qualquer pessoa que esteja pensando em futuras viagens e cia. Estou apenas explicando como minha viagem de custo bem superior a 60k será cancelada sem dor maior no coração… no momento, viagem ficou em segundo/terceiro/quarto plano, pois percebo que, mesmo com todos os cuidados, acidentalmente alguém querido pode partir em razão do que já está entre nós (testes estão levando mais de 1 semana para sair o resultado, ou seja, estamos em um cenário considerável de sub-notificação).

    Ao final de tudo, se sobrevivermos (tanto eu como entes queridos), aí sim poderei planejar novas viagens…pois de nada adianta embarcar no The Apartment se a alma estiver ferida por alguém ter partido de forma tão estúpida….

    Mas este futuro somente será passível de constatação após alguns longos e preocupantes meses.

    Saúde a todos e se cuidem!!!

    OBS: por que cancelar algo previsto para julho? Como você *muito bem colocou*, ninguém sabe como estará tudo até lá. Além disto, como envolvem vários países a serem visitados, em distintos continentes, um destes pode estar com fronteira fechada, bem como com escassez de alimentos e outros itens. Ademais, viajar para voltar eventualmente contaminado (ou risco de adoecer durante algum dos vários continentes visitados) pelo coronavírus não é algo que valha à pena pagar para ver… até porque, por exemplo, na África ainda não começou a explosão de casos – e ocorrendo contaminará outros locais-, e a China voltou a ter uma leve taxa de casos com o retorno de nacionais do exterior.

  25. Tinha comprado um voo pela Air Europa multitrechos pela Decolar e estou levando uma canseira deles pra receber o valor de volta (voo cancelado, sem aviso)…

    Estaria hoje na Europa.

    Tenho uma viagem marcada pra julho pro Peru, por pontos da Latam, mas acho que não vai rolar né?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular

Recent Comments

Viajante Pobretão Jr. on Tóquio estuda novo estado de emergência
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Felipe Oliveira Silva on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
disqus_OagBp1mexo on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Emanuel Soares on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
Adalberto Moscal on O Santander não se emenda …
Robson Pereira on O Santander não se emenda …
lissandro dauer on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
ronald william on O Santander não se emenda …
Evandro Sperandio on O Santander não se emenda …
Thiago Soares Correia on O Santander não se emenda …
Gilberto Carmona on O Santander não se emenda …
Henrique P. P. on O Santander não se emenda …
Cinthia Rangel on O Santander não se emenda …
Raimundo Almeida Júnior on A Avianca é a nova parceira Smiles?
luiz paulo alencar on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Afonso De Oliveira Barros on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Quero Viajar na Faixa on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Raimundo Almeida Júnior on Accor amplia o portfólio de hotéis do grupo
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: Viaje Fácil com 75% de desconto
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Marry manuelli paes de farias on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Deyvisson F. R. Almeida on Como a pandemia afetou minhas viagens
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Tiago Luiz Martins S Costa on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Luiz Henrique Moraes Barros Ca on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leonardo Tito Preza Figueiró on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leandro Esteves on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodrigo Guimaraes on E agora, clientes LATAM Pass?
Luis Ghivelder on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodolfo França on E agora, clientes LATAM Pass?
André Ferreira on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Beatriz Roland on E agora, clientes LATAM Pass?
Renan Augusto Arboleda on E agora, clientes LATAM Pass?
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: 70% de desconto na compra de milhas
Denilson Vargas Lima Junior on Os recentes erros de pesquisa no site do Smiles
Thiago Soares Correia on LATAM Pass atualiza o seu programa
Mauricio Laukenickas on LATAM Pass atualiza o seu programa
Leonardo Tito Preza Figueiró on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antagonista Caratinguense on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Renan Augusto Arboleda on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antonio Carlos Oliveira Junior on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Renan Augusto Arboleda on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Eduardo Caldeira Meira on GOL: um voo diferente na ponte aérea