q6prmv.md.png
domingo, maio 9, 2021
q6prmv.md.png
InícioAssuntos VariadosPlaza Premium lança programa de fidelidade

Plaza Premium lança programa de fidelidade

A rede de lounges Plaza Premium (re)lançou seu programa de fidelidade, agora chamado de Smart Traveller. O Smart Traveller permite que qualquer pessoa que visite seus lounges possa ganhar pontos e trocá-los por benefícios, como upgrades para a área da primeira classe dos lounges Plaza Premium.

Plaza Premium Smart Traveller
Plaza Premium Smart Traveller

Como ganhar pontos Smart Traveller

Independentemente de como se deu o acesso ao lounge Plaza Premium, os passageiros podem acumular pontos em cada visita. Assim, é possível acumular pontos quando o acesso se dá mediante convite da companhia aérea, ou associação ao Priority Pass, por meio de parceria com cartão de crédito ou até mesmo na compra do acesso.

Cada visita garante 100 pontos, sendo que há uma promoção vigente que garante pontos em dobro até 29 de fevereiro de 2020. No mês do aniversário do cliente, os pontos também contam em dobro.

Além disso, há uma oferta para novas adesões que confere 200 pontos no download do app no celular e subsequente login na conta (eu fiz, mas os pontos ainda não caíram).

Para garantir o crédito dos pontos a cada visita, é necessário apresentar o cartão digital ou o código QR, ambos via app do Smart Traveller.

Não há limite de pontos a serem creditados – o cliente pode acessar os lounges à vontade nas suas viagens.

Como usar os pontos Smart Traveller

É possível usar os pontos do Smart Traveller para conseguir alguns benefícios interessantes. Abaixo, alguns exemplos de uso:

  • 1.500 pontos: upgrade para o Plaza Premium First em Hong Kong, quando o acesso permitido é somente para o Plaza Premium regular.
  • 1.800 pontos: visita de 1 hora aos lounges de chegada Plaza Premium em Londres LHR com direito a chuveiro (T2, T3 ou T4).
  • 2.500 pontos: Visita de 3 horas em lounges participantes como Londres, Melbourne, Kuala Lumpur etc.
  • 4.000 pontos: visita de 3 horas no Plaza Premium First em Hong Kong, ou 3 horas em uma Suite de Descanso (resting suite) em um Plaza Premium participante.

Como cada visita equivale a 100 pontos, é possível conseguir o upgrade para o Plaza First em HKG em 15 visitas. Com a promoção vigente até 29 de fevereiro, é possível conseguir 1.500 pontos em 8 visitas. O acesso ao First pode ser comprado por USD 112 para um período de 3 horas de uso.

Plaza Premium First HKG
Plaza Premium First HKG
Plaza Premium First HKG
Plaza Premium First HKG

Os pontos não expiram, contanto que haja movimentação na conta no período de 12 meses consecutivos.

Sobre o Plaza Premium

O Plaza Premium é uma rede de lounges sediada em Hong Kong e presente em diversos aeroportos no mundo. Atualmente, há um total de 55 lounges disponíveis em lugares como Abu Dhabi, Roma, Siem Reap, Singapura etc.

Os principais aeroportos que atendem a rede são Hong Kong, Londres, Kuala Lumpur e Toronto.

Aqui no Brasil, a rede conta 3 lounges no aeroporto do Rio de Janeiro Galeão – um na área de voos domésticos, outro para voos internacionais e um terceiro lounge que fica na área externa do aeroporto (clique aqui para ler a avaliação).

Apesar de oferecer apenas 100 pontos por visita, como a inscrição é gratuita, não vejo mal nenhum em aderir.

RELATED ARTICLES

14 COMENTÁRIOS

    • Henry, vi em outro tópico que vc que tem o Accor Business Plus, costuma realmente ter esse desconto de até 20%? To querendo me hospedar no Sofitel Paris le Faubourg ano que vem em Agosto, minha dúvida é se realmente o desconto costuma ser significativo para quem tem o cartão.

      • JC…
        Eu tinha com validade até 31/10/19.. não renovei porque não estou com nenhuma perspectiva de viajar nos próximos 6 meses….
        Com relação ao desconto, dependendo da quantidade de diárias que vc vá ficar por lá, pode valer a pena sim… normalmente se for > 2.000 euros ao ano em hospedagens, vale a pena… porque no mínimo vc pode ter de 10% a 20%..
        Isso tb vai depender se vc vai fazer reserva do tipo NÃO CANCELÁVEL ou CANCELÁVEL (eu só faço desse tipo)…
        Na não cancelável, ter o cartão não costuma ter muita diferença… já na cancelável tem diferença..
        Outra coisa é vc reservar já pagando o café da manhã, que é a opção que eu sempre faço…. vc consegue 10% de desconto em toda restauração (café da manhã e demais refeições)…

        • Oi Henry tudo bem? desculpa escrever por aqui, mas é que nao sei como mandar a mensagem diretamente a voce sem ser respondendo alguma coisa, rsrs.
          Mes passado teve um artigo da Beatriz com sweet spot da Tap que tinha trecho da africa austral (JNB) para asia com 100 mil pontos em executiva. Fiz a emissao de bilhete com a Singapore em voo direto em executiva, mas informava que um dos trechos seria economica. Estranhei pq era um voo direto, nao tem como um trecho ser em economica. e nas paginas seguintes, dizia que era executiva, tanto é que foram debitadas as milhas correspondente em executiva. Mas os bilhetes chegaram, porem classe x (economica). Liguei na Tap e eles disseram que deve ter sido um erro e eles iriam ou honrar, ou cancelar sem custo. Ate topei cancelar sem custo, mas algumas milhas estavam prescrevendo, e se retornassem com o vencimento original, ja iriam voltar prescritas. Diante disso ele me disse que nao tem como prorrogar as milhas, e que o melhor entao era aguardar se vao honrar a executiva. mas a resposta demoraria ate 30 dias.
          Diante disso eu pergunto: voce ja passou por tal situacao? como foi resolvido? Meu receio é ter que fazer o trecho em economica, ate pq estarei em joanesburgo. O interesse nao é pedir indenizacao depois, eu so nao quero correr o risco de ter que embarcar em economica.

          • Samir…
            Se ainda der tempo e vc tiver como provar ( tela ou algo do tipo) que emitiu e pagou o valor em executiva para um voo direto, eu faria o seguinte:
            1- fazer um reclamação no site do consumidor ponto gov ( ñ sei te confirmar se a TAP é cadastrada lá, mas deve ser);
            2- se não resolver no item 1 ou estiver muito em cima da hora, contrate um advogado de sua confiança que trabalhe “no êxito”( só te cobra 20% do que vc ganhar) e ele vai pedir antecipação de tutela com pedido de liminar para garantir sua viagem em executiva c/c dano moral c/c dano moral por desvio produtivo….
            Mas veja bem: pra juiz dar liminar antecipando uma decisão tem que provar sem sombra de dúvida que vc tem direito a passagem na executiva E tb justo receio do seu direito perecer, isto é, chegar o dia e vc ñ viajar em executiva…
            Eu penso que a maioria dos juízes reconheceriam esse seu direito de viajar na executiva, mas, eventualmente, vc pode pegar um juiz que pense que vc viajar em econômica ao invés de executiva ñ é algo que o faça usar a “caneta” pra antecipar porque, de um jeito ou de outro vc não deixará de voar…
            Já se a pessoa tiver algum problema de saúde (coluna, obesidade, altura excessiva etc) que a executiva seja a única maneira da pessoa viajar com dignidade, aí até um juiz chatinho daria a liminar, claro se ele for convencido que esse é o seu direito ….
            De qq forma, vc terá o dano moral e talvez o dano moral por desvio produtivo….
            E, se vc acabar voando de econômica e ao final ficar comprovado que seu direito era executiva, vc tb terá direito a dano MATERIAL que será a diferença entre as duas classes, além disso dar um upgrade no valor do dano moral…
            Já pensou vc pagar churrasquinho de filet mignon e quando vc morder ele gritar “miau”, ou seja vc pagar uma coisa e receber outra muito inferior???
            É dano moral na certa… fora o dano de vc ter que ficar perdendo seu tempo pra tentar corrigir o erro do fornecedor que se nega a fazê-lo de imediato …
            Todos nós seres humanos erramos… isso é inerente à nossa condição…. mas nós aprendemos e respondemos pelos nossos erros..
            A TAP se nega a assumir o erro dela….
            Manda ver…

          • Talvez por isso que a pesquisa em voos dos parceiros está inoperante. A falha foi toda deles, logo exija que honrem a emissão em executiva.
            Na única vez que tive um problema com a TAP liguei na ouvidoria/SAC e em seguida enviei um e-mail para o endereço que lá me passaram, e demoraram um pouco, mas honraram.
            Boa sorte.

          • Sim… é uma atitude a ser tomada sempre: acionar em primeiro lugar quem arrumou/criou/inventou o problema e e oferecer-lhe a chance de corrigir seu erro..
            Só tem que ver o tempo que tem pra viajar.. se estiver em cima da hora, aí, tem que acionar, paralelamente, outras soluções, porque se com a empresa “faiar”, tem ainda outras possibilidades de resolver…

    • Henry, vi em outro tópico que vc que tem o Accor Business Plus, costuma realmente ter esse desconto de até 20%? To querendo me hospedar no Sofitel Paris le Faubourg ano que vem em Agosto, minha dúvida é se realmente o desconto costuma ser significativo para quem tem o cartão.

      • JC…
        Eu tinha com validade até 31/10/19.. não renovei porque não estou com nenhuma perspectiva de viajar nos próximos 6 meses….
        Com relação ao desconto, dependendo da quantidade de diárias que vc vá ficar por lá, pode valer a pena sim… normalmente se for > 2.000 euros ao ano em hospedagens, vale a pena… porque no mínimo vc pode ter de 10% a 20%..
        Isso tb vai depender se vc vai fazer reserva do tipo NÃO CANCELÁVEL ou CANCELÁVEL (eu só faço desse tipo)…
        Na não cancelável, ter o cartão não costuma ter muita diferença… já na cancelável tem diferença..
        Outra coisa é vc reservar já pagando o café da manhã, que é a opção que eu sempre faço…. vc consegue 10% de desconto em toda restauração (café da manhã e demais refeições)…

        • Oi Henry tudo bem? desculpa escrever por aqui, mas é que nao sei como mandar a mensagem diretamente a voce sem ser respondendo alguma coisa, rsrs.
          Mes passado teve um artigo da Beatriz com sweet spot da Tap que tinha trecho da africa austral (JNB) para asia com 100 mil pontos em executiva. Fiz a emissao de bilhete com a Singapore em voo direto em executiva, mas informava que um dos trechos seria economica. Estranhei pq era um voo direto, nao tem como um trecho ser em economica. e nas paginas seguintes, dizia que era executiva, tanto é que foram debitadas as milhas correspondente em executiva. Mas os bilhetes chegaram, porem classe x (economica). Liguei na Tap e eles disseram que deve ter sido um erro e eles iriam ou honrar, ou cancelar sem custo. Ate topei cancelar sem custo, mas algumas milhas estavam prescrevendo, e se retornassem com o vencimento original, ja iriam voltar prescritas. Diante disso ele me disse que nao tem como prorrogar as milhas, e que o melhor entao era aguardar se vao honrar a executiva. mas a resposta demoraria ate 30 dias.
          Diante disso eu pergunto: voce ja passou por tal situacao? como foi resolvido? Meu receio é ter que fazer o trecho em economica, ate pq estarei em joanesburgo. O interesse nao é pedir indenizacao depois, eu so nao quero correr o risco de ter que embarcar em economica.

          • Samir…
            Se ainda der tempo e vc tiver como provar ( tela ou algo do tipo) que emitiu e pagou o valor em executiva para um voo direto, eu faria o seguinte:
            1- fazer um reclamação no site do consumidor ponto gov ( ñ sei te confirmar se a TAP é cadastrada lá, mas deve ser);
            2- se não resolver no item 1 ou estiver muito em cima da hora, contrate um advogado de sua confiança que trabalhe “no êxito”( só te cobra 20% do que vc ganhar) e ele vai pedir antecipação de tutela com pedido de liminar para garantir sua viagem em executiva c/c dano moral c/c dano moral por desvio produtivo….
            Mas veja bem: pra juiz dar liminar antecipando uma decisão tem que provar sem sombra de dúvida que vc tem direito a passagem na executiva E tb justo receio do seu direito perecer, isto é, chegar o dia e vc ñ viajar em executiva…
            Eu penso que a maioria dos juízes reconheceriam esse seu direito de viajar na executiva, mas, eventualmente, vc pode pegar um juiz que pense que vc viajar em econômica ao invés de executiva ñ é algo que o faça usar a “caneta” pra antecipar porque, de um jeito ou de outro vc não deixará de voar…
            Já se a pessoa tiver algum problema de saúde (coluna, obesidade, altura excessiva etc) que a executiva seja a única maneira da pessoa viajar com dignidade, aí até um juiz chatinho daria a liminar, claro se ele for convencido que esse é o seu direito ….
            De qq forma, vc terá o dano moral e talvez o dano moral por desvio produtivo….
            E, se vc acabar voando de econômica e ao final ficar comprovado que seu direito era executiva, vc tb terá direito a dano MATERIAL que será a diferença entre as duas classes, além disso dar um upgrade no valor do dano moral…
            Já pensou vc pagar churrasquinho de filet mignon e quando vc morder ele gritar “miau”, ou seja vc pagar uma coisa e receber outra muito inferior???
            É dano moral na certa… fora o dano de vc ter que ficar perdendo seu tempo pra tentar corrigir o erro do fornecedor que se nega a fazê-lo de imediato …
            Todos nós seres humanos erramos… isso é inerente à nossa condição…. mas nós aprendemos e respondemos pelos nossos erros..
            A TAP se nega a assumir o erro dela….
            Manda ver…

          • Talvez por isso que a pesquisa em voos dos parceiros está inoperante. A falha foi toda deles, logo exija que honrem a emissão em executiva.
            Na única vez que tive um problema com a TAP liguei na ouvidoria/SAC e em seguida enviei um e-mail para o endereço que lá me passaram, e demoraram um pouco, mas honraram.
            Boa sorte.

          • Sim… é uma atitude a ser tomada sempre: acionar em primeiro lugar quem arrumou/criou/inventou o problema e e oferecer-lhe a chance de corrigir seu erro..
            Só tem que ver o tempo que tem pra viajar.. se estiver em cima da hora, aí, tem que acionar, paralelamente, outras soluções, porque se com a empresa “faiar”, tem ainda outras possibilidades de resolver…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular

Recent Comments

Viajante Pobretão Jr. on Tóquio estuda novo estado de emergência
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Felipe Oliveira Silva on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
disqus_OagBp1mexo on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Emanuel Soares on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
Adalberto Moscal on O Santander não se emenda …
Robson Pereira on O Santander não se emenda …
lissandro dauer on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
ronald william on O Santander não se emenda …
Evandro Sperandio on O Santander não se emenda …
Thiago Soares Correia on O Santander não se emenda …
Gilberto Carmona on O Santander não se emenda …
Henrique P. P. on O Santander não se emenda …
Cinthia Rangel on O Santander não se emenda …
Raimundo Almeida Júnior on A Avianca é a nova parceira Smiles?
luiz paulo alencar on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Afonso De Oliveira Barros on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Quero Viajar na Faixa on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Raimundo Almeida Júnior on Accor amplia o portfólio de hotéis do grupo
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: Viaje Fácil com 75% de desconto
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Marry manuelli paes de farias on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Deyvisson F. R. Almeida on Como a pandemia afetou minhas viagens
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Tiago Luiz Martins S Costa on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Luiz Henrique Moraes Barros Ca on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leonardo Tito Preza Figueiró on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leandro Esteves on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodrigo Guimaraes on E agora, clientes LATAM Pass?
Luis Ghivelder on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodolfo França on E agora, clientes LATAM Pass?
André Ferreira on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Beatriz Roland on E agora, clientes LATAM Pass?
Renan Augusto Arboleda on E agora, clientes LATAM Pass?
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: 70% de desconto na compra de milhas
Denilson Vargas Lima Junior on Os recentes erros de pesquisa no site do Smiles
Thiago Soares Correia on LATAM Pass atualiza o seu programa
Mauricio Laukenickas on LATAM Pass atualiza o seu programa
Leonardo Tito Preza Figueiró on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antagonista Caratinguense on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Renan Augusto Arboleda on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antonio Carlos Oliveira Junior on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Renan Augusto Arboleda on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Eduardo Caldeira Meira on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Ricardo Baccarelli Carvalho on GOL oferece milhas bônus em atraso de voo
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Paulo Henrique Werly Gualberto on O programa Accor Live Limitless está no ar
Paulo Henrique Werly Gualberto on O programa Accor Live Limitless está no ar