q6prmv.md.png
sexta-feira, maio 7, 2021
q6prmv.md.png
InícioProgramas de FidelidadeSobre a limitação desnecessária do Smiles

Sobre a limitação desnecessária do Smiles

Hoje eu decidi escrever sobre um aspecto do Smiles que me incomoda já tem um tempo: a limitação da quantidade de milhas que se pode comprar.

Como vocês sabem, o Smiles é o único programa brasileiro que limita a compra direta de milhas em 40.000 a cada 12 meses. A Multiplus, concorrente direta do Smiles, tem um limite de 500.000 pontos – o que é excelente. É verdade que o Amigo não comercializa milhas, mas a parceria com a Livelo, com diversas promos bonificadas durante o ano, compensa a impossibilidade de compra.

Vocês podem alegar que o Livelo também transfere para o Smiles. Entretanto, na minha opinião,  esse não é um bom uso dos pontos Livelo. Vejamos:

Uma passagem do Rio ou São Paulo para Paris, em executiva, sai por 80.000 pontos Amigo voando Lufthansa ou Swiss, por exemplo. Em contrapartida, são necessárias 190.000 milhas Smiles para voar com a Air France e 200.000 milhas para voar KLM, com escala em Amsterdam. Fica patente que é muito mais vantajoso transferir para o Amigo do que para o Smiles.

Se o Fidelidade/Multiplus estivesse operacional para emissão com as parceiras, seria possível a emissão na executiva da British ou Iberia para Paris por 100.000 pontos.

Ou seja, o Smiles é o programa que demanda mais milhas, mas que estebelece uma quantidade irrisória de milhas para compra.

Ora, ainda que o Smiles faça promos que dão 150% de bônus na compra de milhas, esse limite de 40.000 só permite que a compra totalize 100.000 milhas em 12 meses, o que é muito pouco diante das centenas de milhares de milhas que o programa exige para a emissão em cabines premium.

O limite era justificável quando o Smiles era um bom programa para resgate de passagens aéreas. Hoje em dia não faz o menor sentido.

Ou bem se reduz significativamente o valor dos resgates ou libera a compra de milhas com muitas promoções vantajosas.

O que vocês acham?

RELATED ARTICLES

55 COMENTÁRIOS

  1. Eu acho que se você quer comprar milhas no smiles você precisa ser internada. Beatriz desculpe a brincadeira, mas 40.000 milhas smiles jamais te comprarão uma passagem que o valor em dinheiro gasto não possa comprar.

    • Discordo, existe uma oportunidade para quem mora fora de SP no trecho Vix ou BHZ – EZE com uma oportunidade de 30 mil milhas em cabine premium voando Qatar (o trecho). Se a pessoa comprar bem é imbatível.

        • Leonardo,

          A conexão é um pouco grande em GRU, mas poder acessar a sala da One World vale a pena. Faz a pesquisa VIX – EZE e procura companhias parceiras, preferencialmente para viajar quinta ou sexta e voltar na segunda ou terça. Com 2 meses de antecedência, desde que não seja em feriados ou datas comemorativas, você acha inúmeras datas. Eu acho um resgate diferenciado para um voo desses, óbvio que é um voo curto e não é a maior experiência, mas é algo interessante.

    • hahahaha pensei a mesma coisa. Beatriz, se você quer comprar mais de 40 mil milhas Smiles, seria melhor voce doar seu dinheiro para alguma caridade. Comprar milhas Smiles somente se o valor for de 175 reais a cada 10 mil milhas ou menos. Algumas vezes já consegui por estes valores.

  2. Alguns resgates com a smiles são interessantes. Precisamos ser justos. GRU-BUE por 6.900 milhas e já tive oportunidade de encontrar (em período recente, bem recente) Fortaleza – Lisboa por 80 mil milhas em executiva. Óbvio que na maioria das vezes os resgates são péssimos, mas precisamos ter essas ressalvas. A Smiles tem esse limite de 40 mil (80 mil diamante), mas toda promoção do tipo transfira pontos e compre milhas com um desconto X, fora as inúmeras ofertas que enviam para a pessoa tornam a compra anual muito superior para quem deseja comprar. Sobre transferir da Livelo eu peço licença para discordar. Uma pessoa com o plano 7.000 ou 20.000 consegue comprar 2.000.000 de pontos no ano, fora os do cartão e do clube. É mais que suficiente para ter status na azul e gol (que garantem uma passagem gratuita por ano) e viajar bastante na Avianca, Latam e outras companhias. O status máximo na gol com 300 mil Livelo é um bom negócio, principalmente para quem é do clube e transfere com um bônus bom. Essa é minha opinião, principalmente porque a maioria dos que utilizam a smiles o fazem para passagens nacionais que a pessoa consegue umas ofertas interessantes.

      • Para isto alguns trechos em algumas parceiras excelentes: CDG – DOH por 50 mil milhas em cabine premium. Agora, saindo do Brasil ou pela Oceania fica complicado. Não estou defendendo a smiles até porque ela tem defeitos, mas se a pessoa souber peneirar bem acha promoções surreais com a smiles. Se teve uma empresa que eu já viajei a preços bem em conta foi a smiles, justiça seja feita. Preços que vão ficar para a história. Se a pessoa pesquisar muito encontra ofertas incríveis, é mais difícil, é sim, mas tem uns resgates incríveis. Citei para o rapaz logo abaixo 30 mil milhas o trecho BHZ-EZE em Executiva voando Qatar. Em dinheiro nunca vi por menos de mil reais.

        • Concordo que só há 2 boas parceiras para emissão, Qatar e Korean. O resto é impossível. Mas veja, por 30.000 milhas, se vc compra as milhas com 50% de desconto, isso te custa R$ 950,00 e vc ainda ganha milhas pontuando no LATAM Fidelidade, AAdvantage, BAEC ou IP. Por R$ 1.000,00 ou 30.000 milhas, é mais vantajoso comprar.

          • O mínimo para comprar é 60% de desconto. Estou com um código promocional de 70% que nem sei se uso. Tornando um trecho BH-BA por R$ 630+taxas em executiva pela Qatar. Algo imbatível em qualquer cenário. 80 mil milhas o trecho em executiva pela TAP também é uma ótima tarifa que é possível achar com um pouco de antecedência e paciência.

          • Não se esquece que é cada vez mais comum a venda das passagens da TAP pelo Smiles através da opção Smiles Turismo, onde vc paga, além das milhas, a Taxa da Cia. Aérea de R$ 463,00 por trecho, além de NÃO ter franquia de malas…
            Além de não ser tão comum achar o trecho por 80 mil em executiva, ainda assim, essa quantidade de milhas não é baixa.. é alta, principalmente para uma cia. aérea que tem um serviço de péssima qualidade, como a TAP…

          • Eu percebi isso, mas só compro na modalidade normal mesmo, olho sempre o símbolo do voe fácil. Existe essa pegadinha, mas eu não cai nela. Foi 80 mil pontos e não tinha nenhuma YQ.

          • Eu concordo contigo.. a única coisa que presta no Smiles, hoje em dia e POR ENQUANTO, é emissão via QATAR.. já Korean, nunca pesquisei, mas vou acreditar na sua boa-fé/isenção/conhecimento e tb pensar que esta ainda é uma boa opção de uso no Smiles..
            De qq forma e ainda assim, é só para uma “rapidinha” com o Smiles.. é enviar as milhas na qtde. pra emitir e usar logo… nada de acumular com eles..
            Vc se lembra que meses atrás andou tendo problemas técnicos para emitir diversos parceiros no Smiles , inclusive Qatar ????

      • Eu penso que nem pra parte doméstica o Smiles é uma opção viável…
        Porque eles têm um sistema que usa AI – Inteligência Artificial Esperta…
        Perto das datas de feriados, as tarifas em trechos nacionais são de 80k pra cima.. sim… eu não errei, escrevi oitenta k…
        Claro que eu estou usando a mesma “maldade” deles.. 80k não é o trecho, mas sim a ida e volta..
        Já que nas propagandas eles anunciam que Buenos Aires é “apenas” 6.900 milhas… (e esquecem que temos que voltar e a volta vc paga de 4 a 6 vezes essa qtde. de milhas), eu tb vou dar uma de “esperto” e dizer logo que, perto dos feriadões, uma viagem Rio x Maceio, custa 80.000 milhas.. sendo “apenas” 40.000 milhas por trecho..
        No EC, eu faço isso, ida e volta, pra Londres, levando minha esposa junto e ainda sobram milhas..

        • Como falei, com 300 mil pontos Livelo você alcança a categoria diamante di programa, limitando em 50 mil milhas ida e volta dentro do Brasil. Em um feriadão não é algo absurdo considerado as possibilidades. Buenos Aires tem ida d volta a 6.900 (veja 22 a 26 de novembro por exemplo). As possibilidades na Smiles são grandes.

          • Primeiro tem que enviar 300 mil pontos pra lá pra virar Diamante… ou seja, 25.000 milhas por mês.. poucas pessoas têm condições de fazer isso..a alternativa mais em conta em termos de Livelo seria vc ter o Clube 20.000 pagando R$ 650,00 durante 15 meses, para juntar os tais 300.000 pontos, ou seja, gastar R$ 9.750,00…
            Aí, vc vira Diamante.. e fica com um saldo de milhas na faixa de 540.000 milhas…Muito mais negócio vc enviar esses 300.000 pontos pro Amigo, que se tornam 600.000 milhas.. dá pra vc ir/voltar para os EUA, 10x em qq mês que vc queira… sem depender de promoção.. ou ainda ir/voltar 15 vezes, se esperar a promo da Avianca de 20.000 milhas para MIA…
            Segundo, quem te disse que 50 mil milhas, ida/volta em períodos de feriadão é uma tarifa razoável para voar no Brasil ?? de onde vc tirou isso ???
            Terceiro, fazer uma análise de que algo em torno de até 10 datas disponíveis, de ida/volta para BA por 16.000 milhas num período de 12 meses é algo bom, é forçar a barra.. até porque vc só citou uma possibilidade, e não 10…
            Cara… não dá pra ter Smiles com programa de fidelidade…vc está levando em consideração promoções esporádicas que eles fazem…
            A gente tem que trabalhar é com a realidade de uma tabela… que o Amigo tem e o Smiles tb tem (embora digam que não tem, tem sim.. ela só é tácita.. só isso) e é uma tabela astronômica..
            Contar com uma datinha aqui, outra ai, é furada…

          • Falei em algum lugar a possibilidade de compra anual de 2 milhões de pontos na Livelo, mas isso a pessoa precisa ser milheiro profissional. 300 mil pontos é brincadeira de criança para muita gente que lê e usa esses blogs. Vale o investimento sem nenhum esforço. Eu posso fazer 30 datas diferentes nesse valor sem medo. Até menos quem quiser e puder sair de FLN, mas isso é só ter paciência. Citei a data 22 a 26 de novembro porque foi uma que me interessou. 50 mil milhas ida e volta para o AC ou RO na véspera de um feriado é um achado, tem que lembrar que nem todo mundo faz SAO-GIG como rota padrão. Poder visitar qualquer lugar do Brasil em uma véspera de feriado por esse valor é um achado. A Avianca está esgotando rápido. Procurei trechos para Santiago e não consegui meses (nem por 50 mil pontos) há uma sombra na Avianca. Todas tem suas qualidades e defeitos. Se for olhar tem voo da Latam por 15 mil milhas o trecho para MIA, mas é a exceção da exceção.

    • Esta semana, coincidentemente, o Smiles fez duas “promoções” de passagens para Buenos Aires e Punta Cana…
      Para BA, tinha alguns dias a 6.900 milhas e P.Cana, por 21.000 milhas.. / trecho..
      O detalhe é que, estes dois destinos tem tarifas aeroportuárias estratosféricas… sempre que o Smiles precisa de uma grana rápida, eles fazem isso…
      Metem estes dois destinos em promoção, e arrecadam logo a grana das tarifas aeroportuárias…não foi a primeira vez que eles fizeram isso… e eles só precisam pagar ao aeroporto lá pra frente, na época da viagem…
      Não basta fazer promoções de vez em quando… e mesmo assim com algumas restrições..
      Nós precisamos é ter estabilidade e previsibilidade para usar as milhas…
      O processo de emissão de passagens com milhas, para boa parte das pessoas passa pelo trabalho de acumular, mês a mês, milhas vindas de pontos de cartão, eventualmente umas milhas de Club e tb alguma compra em promoção para completar o valor…
      Aí, completado o saldo, tem que ter tarifas razoáveis.. senão ficamos igual a história do cachorro que corre atrás do rabo e nunca consegue pegar..

  3. É uma estrategia pra associar ao clube e trazer milhas de cartões. A vantagem do smiles é justamente o viaje fácil, isso é pra você ficar tentado e ir comprando e trazendo milhas para o programa. Prefiro nesse seu post fazer um comentário, a questão VERGONHOSA, que são os valores ESTRATOSFÉRICOS, das “PARCEIRAS” Air France e KLM pra resgatar via smiles, me pergunto sempre que parceria é essa?

  4. A última vez em que comprei milhas Smiles foi em uma promoção de 200% de bônus e já tem bastante tempo. Como as milhas deles não estão valendo mais de nada, nem se voltasse o bônus de 200%, eu não compraria.
    Compro apenas quando ganho aleatoriamente aqueles cupons de desconto para comprar com mais de 70% de desconto e ainda assim as compras com esses cupons não utilizam o “limite” anual de compra de pontos.

  5. O Smiles tem, sim, opções muito interessantes premium, entre elas vale destaque: QR em vários trechos incluindo ampla disponibilidade no QSuites e por volta de 180k Brasil-Asia; Korean por 100k/120k EUA-Coreia/Ásia ou Europa-Asia; Delta e varias promoções; TAP Nordeste-Lisboa/Europa 80k/100k Alitalia quando surge algo é interessante porém bem restrito no momento; AM Brasil-Mexico 80k. AF, KL e EK de fato os valores são surreais.

        • Michael, pela TP e EY tem YQ alta, daí desconsidero mesmo. DL pode ser uma boa, mas só em promo. E eu evito emitir com cias ruins como a AM – não sou rica e prefiro usar minhas milhas com boas cias ( às vezes nem sempre consigo).

          • Oi, Beatriz. O Smiles não cobra YQ da EY TP ou QR. Outra grande vantagem das emissões Smiles. Os voos TAP nordeste-Lis por 80k na executiva sem YQ são uma ótima opção do Smiles.

          • É verdade! Confundi com a Emirates. Mas da TP cobra, sim. E os valores de resgate com a Etihad são estratosféricos – 200k milhas pra uma perna entre Paris e AUH na F é um escândalo!

          • TP então começou a cobrar YQ muito recente pois faz pouco tempo emiti SSA-LIS por 80k e sem YQ. EY e QR – que na maioria dos programas cobram YQ – o Smiles não cobra! Grande vantagem! Etihad tem resgates interessantes em executiva: AUH-Asia 130k ou Europa-seycheles 130k, etc. Sobre seu comentário da AM, não acho que seja pior que a LA ou DL ou AA. Veja que utilizam o 787-800 e 787-900 em GRU sendo o 787-900 na configuração 1-2-1. Os 777-200 com assento tobogã já foram aposentados. GRU-Mex está 80k em executiva no Smiles. DL você consegue emitir Delta One Suite por 100k ou 120k… nada mal…

          • Saindo do Brasil não há cobrança de YQ. QR não cobra YQ em nenhuma parceira OW que tenho cota e a EY tbm não cobra YQ no AAdvantage.

  6. Beatriz..
    Você está sabendo de algum movimento político/empresarial para mudar as capitais de São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul e Paraná para a cidade de Fortaleza ??
    Fico com a nítida impressão que o espírito de JK está incutindo na mente de algumas pessoas que Fortaleza é o centro geográfico do Brasil….rsrs

      • Outra coisa que começo a perceber é que algumas pessoas, não sei como, conseguiram ter um dia com 30 horas e também quebrar um princípio da física que afirma que vc não pode estar em dois lugares diferentes ao mesmo tempo… tem gente que parece estar em 30 lugares ao mesmo tempo…
        Pelo menos em termos de poder gastar as milhões de milhas que produz por mês…
        Para usá-las, teria que ter o dia de 30 horas e poder estar em 20 países ao mesmo tempo..
        Se não é esse o caso, então estamos diante de um “abençoado”, que vive de gerar e vender milhas pra empresas tubarões… esses “abençoados” contribuem bastante para “melhorar” os programas de fidelidade… a último do Multiplus é prova disso…

      • É porque eu vejo sempre pessoas citando tarifas “promocionais” (80k/trecho, numa executiva vagabunda como é a da TAP ) de voos saindo de Fortaleza para o mundo, como se a cidade do Cangaciro fosse a capital de todos esses estados… e tivesse o condão de representar algo em torno de 40% dos brasileiros que viajam para a Europa…

        • Vc está sendo injusto. É essencial que haja hubs para a Europa e América do Norte no NE. E acredito que muita gente de outros estados nordestinos aproveitem as promos de Fortaleza. Afinal, é duro ter que pegar um voo de 3 horas para o Sudeste pra subir de novo para chegar em Paris …

          • Não Beatriz.. não estou sendo injusto não..
            Da mesma maneira que é ruim para o pessoal do Nordeste ter que viajar até o Sudeste para viajar para Europa/EUA, tb acho um pouco ruim eu ter que fazer voos para Europa com conexão em Fortaleza / Recife…existem, pelo menos, uns 6 modelos de aviões(777/767/787/A330/A340/A350) que podem fazer a rota Brasil => EUA/Europa direto do Sudeste, sem ter que passar pelo Nordeste…
            Quanto a ter hub no Nordeste, é uma ótima ideia… o turismo pode gerar muitas dividas por lá.. é um fator de desenvolvimento da região, e eles têm vocação pra isso por conta dos locais paradisíacos que têm por lá…. acho o hub muito bom para os nordestinos e até mesmo, eventualmente, para o pessoal do Sudeste…numa promoção, realmente interessante, sem problemas fazer uma conexão por lá.. melhor ainda que pudesse fazer o stop-over na região….
            Mas, o ponto não é esse…
            Quando eu disse que tinha gente pensando que aquilo lá é a capital dos principais estados do Brasil, é porque falam que tem muitas tarifas promocionais da TAP saindo de lá por 80k em executiva…
            Tá.. primeiro fato: desde quando 80k em executiva, é promoção ??
            Segundo fato: 80k numa executiva da TAP é promoção ???
            Terceiro fato: tá,vamos lá, aceitemos que 80k é promoção pra viajar de executiva… mas, o pessoal do Sudeste, que representa a maioria das pessoas que viajam para os EUA/Europa, vão gastar quantas milhas tendo que se deslocar até FOR ???
            Então, não são apenas 80k.. tem mais o voo doméstico…e, no caso do Smiles, eles têm arregaçado nas passagens domésticas…

          • Não Beatriz.. não estou sendo injusto não..
            Da mesma maneira que é ruim para o pessoal do Nordeste ter que viajar até o Sudeste para viajar para Europa/EUA, tb acho um pouco ruim eu ter que fazer voos para Europa com conexão em Fortaleza / Recife…existem, pelo menos, uns 6 modelos de aviões(777/767/787/A330/A340/A350) que podem fazer a rota Brasil => EUA/Europa direto do Sudeste, sem ter que passar pelo Nordeste…
            Quanto a ter hub no Nordeste, é uma ótima ideia… o turismo pode gerar muitas dividas por lá.. é um fator de desenvolvimento da região, e eles têm vocação pra isso por conta dos locais paradisíacos que têm por lá…. acho o hub muito bom para os nordestinos e até mesmo, eventualmente, para o pessoal do Sudeste…numa promoção, realmente interessante, sem problemas fazer uma conexão por lá.. melhor ainda que pudesse fazer o stop-over na região….
            Mas, o ponto não é esse…
            Quando eu disse que tinha gente pensando que aquilo lá é a capital dos principais estados do Brasil, é porque falam que tem muitas tarifas promocionais da TAP saindo de lá por 80k em executiva…
            Tá.. primeiro fato: desde quando 80k em executiva, é promoção ??
            Segundo fato: 80k numa executiva da TAP é promoção ???
            Terceiro fato: tá,vamos lá, aceitemos que 80k é promoção pra viajar de executiva… mas, o pessoal do Sudeste, que representa a maioria das pessoas que viajam para os EUA/Europa, vão gastar quantas milhas tendo que se deslocar até FOR ???
            Então, não são apenas 80k.. tem mais o voo doméstico…e, no caso do Smiles, eles têm arregaçado nas passagens domésticas…

          • 80 k em executiva considerando a facilidade para conseguir milhas smiles é uma pechinca para a Europa. Ruim seriam 80 mil milhas Multiplus, ali sim é sofrimento para conseguir. A Avianca não vi até hoje executiva para a Europa por menos que 80 mil. A TAP era um sonho com 50 mil milhas o trecho, eu mesmo já utilizei esse valor, mas sabemos o que ela se tornou. Um voo GRU -FOR sai a 12 mil milhas o trecho ou menos, mas isso depende do que se quer e se pode fazer. Infelizmente alta estação e vésperas de feriados não tem milagre. Felizes os que podem viajar em datas mais flexíveis, estes conseguirão as passagens mais baratas. Exemplo foi 5.000 pontos Multiplus para o Chile ou 15 mil Miami que já ocorreram. Cada programa tem seus defeitos e qualidades. Vou citar um exemplo de HOJE: emiti uma passagem pela smiles por 18 mil milhas, na Avianca estava por surpreendentes 50 mil pontos, nem achei que a tabela interna chegasse a tantos. Era mais barato ir apra os EUA em executiva que um trecho de 3h… francamente. Sobre cabines premium, tem que saber mesclar promoções e tirar um bom proveito. Repito: s smiles consegue ter um preço imbatível em determinados voos, chega a ser surreal.

          • Cara… se vc tiver 50 mil milhas no Amigo, aproveita e emita uma ida e volta pra Miami.. até dia 28/08 eles estão cobrando 25k por trecho..
            Como eles fazem a promoção de bônus de 100%, seria o mesmo que enviar 25k do cartão…

          • Tenho mais de 300k lá no Amigo. O problema dos EUA não é chegar. Até por 1400 reais a pessoa acha passagem hoje em dia, mas se manter lá. Olhando o preço atual do dólar pode colocar passagem a 20 mil o trecho que fica inviável viajar. Os preços estão caindo porque o povo não está viajando. Simples assim.

          • Sim, com certeza vc tem razão que as passagens estão baratas por causa do dólar…e pode piorar…a depender do “artista” eleito pra comandar o circo em outubro.. pode ceder (aos poucos) ou dar um salto carpado triplo e bater R$ 5.00…
            Mas.. veja que, com 25k o trecho e combinando com a promoção de bônus de 100%, e comprando os pontos através do Club 20.000 (R$ 650,00/mês => ponto a R$ 0,0325) do Livelo, vc teria, cada trecho a R$ 0,0325 x 12.500 = R$ 406,25, fazendo a rt, ficaria o dobro: R$ 812,50… é um excelente valor..
            E, de boa.. num nada tão bom quanto isso no Smiles…

  7. Faltou mencionar que o Smiles disponibiliza diversos cupons ao longo do ano para compra de milhas com desconto e que não abatem do limite anual geral, é como se fosse um limite extra q cada cupom proporciona.

    • Eu trocava esses diversos cupons para compra de milhas, por dois cupons para emissão com descontos, que tornassem o preço das passagens um patamar decente..
      Como a Moscha Issa sempre fala:
      “… problema do Smiles não é gerar/comprar milhas, mas emitir passagens…”
      E, convenhamos, nosso objetivo principal desde sempre foi emitir passagens….

      • Concordo. Mas só fiz esse comentário em razão do post ser direcionado primordialmente à limitação de acúmulo no Smiles e a autora não ter considerado os cupons de compra, o q aumenta a quantidade de milhas acumuladas no ano.

        • Oi Jose, o problema dos cupons é que eles exigem que eu transfira um mínimo de pontos do meu cartão, o que me “descapitaliza”. Eu fico acumulando para mandar uma quantidade grande que dê para emitir ida e volta em executiva ou primeira para voos de longa distância.

  8. Por enquanto, a minha estratégia adotada tem se mostrada adequada:
    – não tenho clube programa de fidelidade de nenhuma cia. aérea (tenho no Livelo o 20.000, correndo o risco de me ferrar por isso);
    – não enviei pontos do cartão para nenhum programa há quase 2 anos… mas eu posso fazer isso porque meus pontos não expiram…
    – tenho priorizado pagamentos cash em troca de descontos de 3% ou mais nos produtos que compro….
    Faço isso porque ainda hoje estou com muitas milhas acumuladas nos programas de fidelidade de cias. aéreas… e o objetivo é usá-las..
    Como é uso pessoal que dou a essas milhas, e não posso estar em dois lugares ao mesmo tempo, fica difícil zerar o saldo dos programas… o do Smiles já consegui, a muito custo, reduzir para 300k….
    Enfim… com exceção dos programas estrangeiros, está difícil achar um programa que tenha regras claras, tabelas estáveis para resgates…
    Minha tolerância com os programa nacionais é ZERO…

  9. Hummm… deixe-me tentar adivinhar.
    Vc quer que o limite seja bem alto pra dar margem ao comércio de milhas que vc tanto critica?
    Estou tentando entender.
    Juro que estou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular

Recent Comments

Viajante Pobretão Jr. on Tóquio estuda novo estado de emergência
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Felipe Oliveira Silva on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
disqus_OagBp1mexo on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Emanuel Soares on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
Adalberto Moscal on O Santander não se emenda …
Robson Pereira on O Santander não se emenda …
lissandro dauer on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
ronald william on O Santander não se emenda …
Evandro Sperandio on O Santander não se emenda …
Thiago Soares Correia on O Santander não se emenda …
Gilberto Carmona on O Santander não se emenda …
Henrique P. P. on O Santander não se emenda …
Cinthia Rangel on O Santander não se emenda …
Raimundo Almeida Júnior on A Avianca é a nova parceira Smiles?
luiz paulo alencar on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Afonso De Oliveira Barros on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Quero Viajar na Faixa on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Raimundo Almeida Júnior on Accor amplia o portfólio de hotéis do grupo
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: Viaje Fácil com 75% de desconto
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Marry manuelli paes de farias on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Deyvisson F. R. Almeida on Como a pandemia afetou minhas viagens
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Tiago Luiz Martins S Costa on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Luiz Henrique Moraes Barros Ca on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leonardo Tito Preza Figueiró on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leandro Esteves on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodrigo Guimaraes on E agora, clientes LATAM Pass?
Luis Ghivelder on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodolfo França on E agora, clientes LATAM Pass?
André Ferreira on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Beatriz Roland on E agora, clientes LATAM Pass?
Renan Augusto Arboleda on E agora, clientes LATAM Pass?
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: 70% de desconto na compra de milhas
Denilson Vargas Lima Junior on Os recentes erros de pesquisa no site do Smiles
Thiago Soares Correia on LATAM Pass atualiza o seu programa
Mauricio Laukenickas on LATAM Pass atualiza o seu programa
Leonardo Tito Preza Figueiró on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antagonista Caratinguense on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Renan Augusto Arboleda on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antonio Carlos Oliveira Junior on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Renan Augusto Arboleda on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Eduardo Caldeira Meira on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Ricardo Baccarelli Carvalho on GOL oferece milhas bônus em atraso de voo