q6prmv.md.png
segunda-feira, junho 21, 2021
q6prmv.md.png
InícioProgramas de FidelidadeOutros ProgramasPost Palpite: quais as mudanças que o TAP Victoria implementará?

Post Palpite: quais as mudanças que o TAP Victoria implementará?

Como o título já informa, esse post é meramente especulativo e não guarda nenhuma relação com a verdade futura. Não tenho informantes ou amigos no Victoria e o programa (ainda … rssss) não dá a menor bola para mim. Então, o que eu vou falar aqui é só palpite. PAL-PI-TE, ok? Vambora …

1 – Eu acho (aliás, está mais para desejo mesmo) que a emissão one-way passará a ser permitida. Não há qualquer motivo para obrigar o passageiro a emitir ida e volta, concordam? Ainda mais quando o Victoria permite emisão one-way nos voos TAP. Não conheço programa que ainda faça essa exigência. Vocês conhecem?

Agora vamos dar uma olhada na tabela.  A gente pode perceber algumas emissões muito vantajosas e outras péssimas.

2 – Mudanças benéficas:

  • trechos emitidos dentro do Brasil para voar Avianca / Azul. O Victoria cobra 35.000 milhas ida e volta para nossos voos domésticos, o que dá 17.500 milhas por trecho. Acho muito caro.
  • a tabela Europa – Oriente Médio é caríssima, se compararmos com Multiplus, AAdvantage, MileagePlus, etc.
  • a tabela intra-europeia em econômica também está puxada, se considerarmos que nem bagagem mais o passageiro pode despachar. De repente, dão uma aliviadinha …

3 – Pioras na tabela:

  • Brasil e o resto do mundo, exceto a África do Sul:  Europa a 120.000 milhas ida e volta em executiva e 180.000 na First da Lufthansa? Hmmm … tô achando que não vai mais acontecer. Ainda mais com a recente mudança na tabela para voos com a TAP saindo do Brasil.  Aliás, Brasil – Ásia por 250.000 milhas e Brasil – EUA por 90.000 ambas em business também me parecem fadadas ao aumento. Acho que vão mirar na gente, pessoal …
  • Voos intra-Ásia por 50.000 na business e 75.000 na first. Gentem, isso permite um Bangkok – Tóquio com a Thai na primeira classe do B747-8i aproveitando o maravilhoso lounge de Bangkok e a volta com a ANA de Tóquio para Singapura, em um voo espetacular e uma experiência sensacional de check-in, imigração etc no Japão. 37.500 a perna? I don’t think so …
  • Estados Unidos – Ásia. São necessárias 145.000 milhas na business ida e volta para voos com cerca de 12 horas (72.500 o trecho). Da Europa para a Ásia, em voos com aproximadamente a mesma duração, a tabela sobe para 190.000 milhas. Tanto pode aumentar os EUA ou reduzir a Europa, ou ambos.

E vocês? O que acham? Estou muito errada? Tenho futuro como vidente?

“🎼 A cigana leu o meu destino, eu sonhei. Bola de cristal, jogo de búzios, cartomante. Eu sempre perguntei – como será o amanhã, como vai ser o meu destino?”  🎼

RELATED ARTICLES

38 COMENTÁRIOS

  1. Oi Beatriz! Que o TAP VICTORIA estava para aumentar a tabela todos já imaginavam mesmo antes dele soltar qualquer notícia a respeito. A tabela estava muito vantajosa para ser duradoura. Agora a maneira que ele está implemetando essa desvalorização é que assusta. Lembro que todos se sentiram traídos com a piora do AAdvantage há dois anos inclusive eu e você, mas nada se compara ao que o VICTORIA está fazendo agora. Para quem ficou com mais de 1M de milhas transferidas daquela promoção da LIVELO em junho ainda tenho 303k. Estou esperando cair os 57k que transferi depois dessa notícia bomba para tentar emitir 3 BR-EUROPA. Vamos ver se dá tempo de cair os pontos…

  2. A emissão que fiz tb será afetada certamente. Um trecho entre Ásia e Oceania na F da Thai por 110k. Especificamente KIX-AKl // SYD-BKK (380 F e 787 biz // 747 F). Na executiva salvo engano fica em 70k.

  3. Ola Beatriz,

    Fazem total sentido essas suas especulações e creio que as mudanças virão para piorar as coisas, principalmente para voos saindo do Brasil.

    Gostaria de sugerir que tão logo tenhamos a nova tabela, você nos brinde com um post sobre pra onde os “órfãos” das emissões Star Alliance deverão ir.

    Meu palpite seria o Lifemiles porém como fazemos pra transferir as milhas dos cartões de credito brasileiros pra lá?

    Outra possibilidade seria o Amigo, mas não faço ideia de como são as emissões lá, se permitem cabines mistas, open jaw, stop over, enfim, não sei nada sobre o programa e o que leio é que as emissões são via call center e que o sistema é “miope”.

    Ficamos no aguardo!

    Abraços

  4. Oi Beatriz! Que o TAP VICTORIA estava para aumentar a tabela todos já imaginavam mesmo antes dele soltar qualquer notícia a respeito. A tabela estava muito vantajosa para ser duradoura. Agora a maneira que ele está implemetando essa desvalorização é que assusta. Lembro que todos se sentiram traídos com a piora do AAdvantage há dois anos inclusive eu e você, mas nada se compara ao que o VICTORIA está fazendo agora. Para quem ficou com mais de 1M de milhas transferidas daquela promoção da LIVELO em junho ainda tenho 303k. Estou esperando cair os 57k que transferi depois dessa notícia bomba para tentar emitir 3 BR-EUROPA. Vamos ver se dá tempo de cair os pontos…

  5. A emissão que fiz tb será afetada certamente. Um trecho entre Ásia e Oceania na F da Thai por 110k. Especificamente KIX-AKl // SYD-BKK (380 F e 787 biz // 747 F). Na executiva salvo engano fica em 70k.

  6. Ola Beatriz,

    Fazem total sentido essas suas especulações e creio que as mudanças virão para piorar as coisas, principalmente para voos saindo do Brasil.

    Gostaria de sugerir que tão logo tenhamos a nova tabela, você nos brinde com um post sobre pra onde os “órfãos” das emissões Star Alliance deverão ir.

    Meu palpite seria o Lifemiles porém como fazemos pra transferir as milhas dos cartões de credito brasileiros pra lá?

    Outra possibilidade seria o Amigo, mas não faço ideia de como são as emissões lá, se permitem cabines mistas, open jaw, stop over, enfim, não sei nada sobre o programa e o que leio é que as emissões são via call center e que o sistema é “miope”.

    Ficamos no aguardo!

    Abraços

  7. vão inflacionar pesado todas regiões com resgates bons e vão reduzir para a áfrica austral, que tem um valor sem noção e q deverá continuar não interessante

    aí vao enfatizar que ajustaram a tabela de parceiros, com aumentos mas também com redução… so n vao enfatizar q aumentou 99% e reduziu 1%

  8. vão inflacionar pesado todas regiões com resgates bons e vão reduzir para a áfrica austral, que tem um valor sem noção e q deverá continuar não interessante

    aí vao enfatizar que ajustaram a tabela de parceiros, com aumentos mas também com redução… so n vao enfatizar q aumentou 99% e reduziu 1%

  9. Sinceramente? A TAP não se interessa por brasileiros. Desde o dia 22 de fevereiro começou a vigorar nova tabela, passando de 50000 milhas para 67500 milhas, baixa temporada o trecho Brasil/Lisboa/Brasil. E mesmo assim terá que desembolsar mais 500 Euros, como tarifa de emissão de bilhete, taxa de segurança, sobretaxa de transporte aéreo e mais penduricalhos que diariamente criam.
    Alguém conseguiu achar data para poder usar esta quantidade de 67500 milhas??? Duvido. Trechos que eram necessários 50000 milhas ida e volta agora são necessários 135000 milhas. E o Victoria está pouco se lixando para as críticas. Oferta e demanda. Lógico! A enorme quantidade de colonizados emigrando para a terra de seus descobridores seria a justificativa.
    Onze voos diários para a Lisboa saindo lotados só demonstra o seguinte: ” Quer não? Desocupa, que tem gente querendo”…..portanto, para quem vai “turistar”, o programa Victoria ficou proibitivo e desvantajoso.
    Quem comprou pontos Livelo com descontos e passou para a TAP…dançou. O programa não lhe dá opção de utilizar em outros produtos. E já tentaram emitir bilhete da AZUL com as milhas TAP? Alguém conseguiu? Se conseguiu, seria interessante declarar o milagre.

  10. Sinceramente? A TAP não se interessa por brasileiros. Desde o dia 22 de fevereiro começou a vigorar nova tabela, passando de 50000 milhas para 67500 milhas, baixa temporada o trecho Brasil/Lisboa/Brasil. E mesmo assim terá que desembolsar mais 500 Euros, como tarifa de emissão de bilhete, taxa de segurança, sobretaxa de transporte aéreo e mais penduricalhos que diariamente criam.
    Alguém conseguiu achar data para poder usar esta quantidade de 67500 milhas??? Duvido. Trechos que eram necessários 50000 milhas ida e volta agora são necessários 135000 milhas. E o Victoria está pouco se lixando para as críticas. Oferta e demanda. Lógico! A enorme quantidade de colonizados emigrando para a terra de seus descobridores seria a justificativa.
    Onze voos diários para a Lisboa saindo lotados só demonstra o seguinte: ” Quer não? Desocupa, que tem gente querendo”…..portanto, para quem vai “turistar”, o programa Victoria ficou proibitivo e desvantajoso.
    Quem comprou pontos Livelo com descontos e passou para a TAP…dançou. O programa não lhe dá opção de utilizar em outros produtos. E já tentaram emitir bilhete da AZUL com as milhas TAP? Alguém conseguiu? Se conseguiu, seria interessante declarar o milagre.

      • Sim, na página da TAP, a própria TAP respondeu. Disse que terá aumentos e reduções e citou exemplos de voos do Brasil para EUA, Canada e Caribe teriam reduções. Achei confuso e perguntei claramente: voos do Brasil para os eua com parceiros star alliance terão aumento ou redução. Eles responderam redução!
        Minha mãe fez a mesma pergunta, se confirmava que realmente haveria redução, eles responderam “confirmamos a informação dada ao outro passageiro”.
        Acho muito difícil haver redução, mas foi o que responderam.
        Você pode ver lá no face da TAP, nos comentários de um dos posts.

      • Sim, na página da TAP, a própria TAP respondeu. Disse que terá aumentos e reduções e citou exemplos de voos do Brasil para EUA, Canada e Caribe teriam reduções. Achei confuso e perguntei claramente: voos do Brasil para os eua com parceiros star alliance terão aumento ou redução. Eles responderam redução!
        Minha mãe fez a mesma pergunta, se confirmava que realmente haveria redução, eles responderam “confirmamos a informação dada ao outro passageiro”.
        Acho muito difícil haver redução, mas foi o que responderam.
        Você pode ver lá no face da TAP, nos comentários de um dos posts.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular

Recent Comments

Viajante Pobretão Jr. on Tóquio estuda novo estado de emergência
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Felipe Oliveira Silva on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
disqus_OagBp1mexo on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Emanuel Soares on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Beatriz Roland on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
Adalberto Moscal on O Santander não se emenda …
Robson Pereira on O Santander não se emenda …
lissandro dauer on O Santander não se emenda …
Mário Sérgio Oliveira on O Santander não se emenda …
ronald william on O Santander não se emenda …
Evandro Sperandio on O Santander não se emenda …
Thiago Soares Correia on O Santander não se emenda …
Gilberto Carmona on O Santander não se emenda …
Henrique P. P. on O Santander não se emenda …
Cinthia Rangel on O Santander não se emenda …
Raimundo Almeida Júnior on A Avianca é a nova parceira Smiles?
luiz paulo alencar on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Afonso De Oliveira Barros on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Quero Viajar na Faixa on As Viagens Inusitadas da Minha Vida
Raimundo Almeida Júnior on Accor amplia o portfólio de hotéis do grupo
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: Viaje Fácil com 75% de desconto
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Guilherme Marchese on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Deyvisson F. R. Almeida on Como a COVID-19 afetou suas viagens?
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Raimundo Almeida Júnior on Qatar Airways sem primeira classe até 2021
Marry manuelli paes de farias on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Vanessa de Carvalho Dias on Como a pandemia afetou minhas viagens
Deyvisson F. R. Almeida on Como a pandemia afetou minhas viagens
Paulo André Metchko on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Tiago Luiz Martins S Costa on Reserva Cool orienta clientes a pedir chargeback
Luiz Henrique Moraes Barros Ca on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leonardo Tito Preza Figueiró on Problemas com os cartões Santander AAdvantage
Leandro Esteves on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Ronaldo Azevedo on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodrigo Guimaraes on E agora, clientes LATAM Pass?
Luis Ghivelder on E agora, clientes LATAM Pass?
Rodolfo França on E agora, clientes LATAM Pass?
André Ferreira on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Gustavo Botelho on E agora, clientes LATAM Pass?
Beatriz Roland on E agora, clientes LATAM Pass?
Renan Augusto Arboleda on E agora, clientes LATAM Pass?
Raimundo Almeida Júnior on Smiles: 70% de desconto na compra de milhas
Denilson Vargas Lima Junior on Os recentes erros de pesquisa no site do Smiles
Thiago Soares Correia on LATAM Pass atualiza o seu programa
Mauricio Laukenickas on LATAM Pass atualiza o seu programa
Leonardo Tito Preza Figueiró on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antagonista Caratinguense on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Renan Augusto Arboleda on Itaucard Pão de Açúcar Platinum
Antonio Carlos Oliveira Junior on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Renan Augusto Arboleda on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Eduardo Caldeira Meira on GOL: um voo diferente na ponte aérea
Ricardo Baccarelli Carvalho on GOL oferece milhas bônus em atraso de voo
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar
Esron Anibal Freitas da Rosa on O programa Accor Live Limitless está no ar